Clubes aceitam sede única e aguardam posição da CBF para volta da Copa do Nordeste

Presidente da Liga, Eduardo Rocha, garante acerto com os clubes e vai encaminhar proposta para a Confederação Brasileira de Futebol, responsável por gerir a competição

Ao que tudo indica, a Copa do Nordeste será finalizada dentro de campo. Nesta terça-feira, após uma reunião com os clubes participantes, ficou definido que a Liga vai encaminhar uma proposta à Confederação Brasileira de Futebol, responsável por gerir o torneio, para que a competição seja disputada em sede única.

Diferentemente da proposta inicial, quando o Recife era apontado como o local escolhido pela Liga do Nordeste, pela oferta atual, caberá à CBF a seleção da sede. É o que garante Eduardo Rocha, presidente da Liga.

“Nós vamos encaminhar a proposta de sede única para a Copa do Nordeste ser finalizada em campo. Chegamos a um acordo com todos os clubes e vamos encaminhar a oferta para a CBF, creio que não terá problema, pois é um desejo coletivo.”

Ainda de acordo com Eduardo Rocha, a Liga do Nordeste ficará responsável por custear os testes para os clubes que participarem da competição. Além de bancar hospedagem e local de treino durante a competição.

– A gente sabe das dificuldades dos clubes e vamos custear os testes e também hospedagem para as equipes que não são da sede escolhida. Ficou acertado que bancaremos esse custo de logística, para que corra tudo dentro da normalidade.

Com relação ao prazo para que a disputa seja concluída, Eduardo Rocha acredita que o torneio levará até 30 dias, para quem for à final. Mas boa parte dos participantes sairão após 16 dias, uma vez que dos 16 participantes, oito serão eliminados depois de mais uma rodada.

“Vamos solicitar duas semanas de treinamento para os times. Depois disso, com mais 15 dias a gente encerra a competição. Vale lembrar que só quem vai para a final fica 30 dias, oito equipes são eliminadas logo na primeira rodada. Então, creio que não teremos problemas com datas.”

Neste momento, há clubes que não podem treinar em seus estados por conta da pandemia causada pela Covid-19. Desse modo, eles terão 14 dias de treinamento na cidade que for escolhida. Os custos também serão bancados pela Liga do Nordeste.

Bahia, Ceará e Pernambuco, por outro lado, já contam com equipes autorizadas a treinar seguindo protocolos sanitários para evitar o contágio do novo coronavírus.

* Globo esporte Ceará

Leia também



Multiservice - Fauston
CÂMARA CRATO - CORONA 12.ABRIL-2020
Nilton e Célia
Top Móveis_Crato Janeiro 2020

Enquete

Você acha que o presidente Bolsonaro está agindo corretamente, defendendo que as pessoas saiam do confinamento contra o coronavírus?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...
© Copyright 2019 — Caririceara.com. Todos os direitos reservados
error: Conteúdo protegido!!