Dupla é presa em Missão Velha acusada de posse ilegal de armas de fogo e crime ambiental

Dupla é presa em Missão Velha acusada de posse ilegal de armas de fogo e crime ambiental

DA AGÊNCIA CARIRICEARA
Redação – Foto: Polícia Militar do Ceará/Divulgação

Em poder de Jorge de Lima Sousa e Expedito Honorato Paulo a polícia diz apreendido, dois revólveres, um calibre 38 especial com capacidade para sete tiros e outro calibre 32 com capacidade para seis tiros, duas armas antigas calibre 22; uma Pistola calibre 635 ; nove munições calibre 38, três calibre 32, quarenta e uma calibre 22, seis calibre 20, três calibre 12 e 01 deflagrada calibre 38 e ainda vários materiais usados para a preparação da rinha de galo e remédios de uso veterinário, além da quantia em dinheiro de R$ 5.454,00 (Cinco mil, quatrocentos e cinquenta e quatro reais).

Nesta segunda-feira (22) por volta das 15h00min, as equipes do Raio 01 e 02 de Barbalha receberam uma denuncia anônima informando que de Missão Velha na Rua Francisco Xavier Figueiredo de Lima na casa de número 14, o local era frequentado por homens armados. Os militares se deslocaram ao endereço indicado na vizinha cidade vindo a abordarem o morador da residência, Jorge de Lima Sousa, 31 anos que estava na calçada, momento em que foi perguntado ao abordado se tinha algo de ilícito no imóvel, vindo o homem a informar que possuía armas no interior da casa.

Ao realizar a busca no interior do imóvel, os policiais encontraram dois revólveres, um calibre 38 especial com capacidade para sete tiros e outro calibre 32 com capacidade para seis tiros e duas armas antigas calibre 22; uma Pistola calibre 635 ; nove munições calibre 38, três calibre 32, quarenta e uma calibre 22, seis calibre 20, três calibre 12 e 01 deflagrada calibre 38.

De acordo com os policiais que atenderam a ocorrência, Jorge afirmou que as armas pertenciam ao seu vizinho Expedito Honorato Paulo, 43 anos. Os PMs ao conversarem com o segundo acusado, que autorizou a entrada dos polícias na sua residência, onde foram encontrados vários materiais usados para a preparação da rinha de galo e remédios de uso veterinário, além da quantia em dinheiro de R$ 5.454,00 (Cinco mil, quatrocentos e cinquenta e quatro reais). Diante dos fatos os acusados foram conduzidos à delegacia e apresentados a delegada de plantão na delegacia regional de policia civil de Juazeiro do Norte, a Dra. Francisca Suerda para os procedimentos cabíveis.

A republicação é gratuita desde que citada a fonte.

Leia também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade




Facebook

Publicidade

© Copyright 2019 — Caririceara.com. Todos os direitos reservados