Fortaleza perde para o Corinthians de virada com polêmica da arbitragem

Leão pressiona em Itaquera, mas é superado por 3 a 2 e reclama de duas possíveis penalidades  Foto: arquivo / SVM

O Fortaleza entrou em campo com um time alternativo e até abriu o placar, mas foi superado pelo Corinthians por 3 a 2 nesta quarta-feira (6). O jogo em Itaquera, no entanto, foi marcado por polêmica. Quando tudo estava empatado, os jogadores do Leão reclaram de dois lances em que a bola bateu no braço dos corintianos, mas nada foi marcado. Os gols leoninos foram de Kieza e Romarinho, enquanto Boselli, duas vezes, e Junior Urso decretaram a vitória alvinegra.

O resultado da 31ª rodada deixa o Leão em 12ª, com 37 pontos. O foco agora é o Clássico-Rei de domingo (10), às 19 horas, na Arena Castelão. Para o duelo, a equipe não conta com o meia Marlon, suspenso.

Já o Corinthians afasta a crise, volta a vencer após oito jogos, e sobe para 6º com 48 pontos. O time encara agora o Palmeiras, sábado (9), às 19 horas, no Allianz Parque.

Primeiro tempo

O técnico Rogério Ceni escalou um Fortaleza com Marlon e Kieza entre os titulares, já poupando o elenco para o Clássico-Rei. Em campo, o time se defendeu no esquema 4-4-2 e tentou apostar nos contra-ataques para furar a marcação do Corinthians, que pressionava a saída de bola de Felipe Alves.

Com Osvaldo colaborando menos com a recomposição, os paulista exploraram bastante o lado direito com cruzamentos de Michel: sem efetividade. Sofrendo pouco em Itaquera o Leão então passou a agredir mais e, em uma escapada em velocidade, Osvaldo chegou na linha de fundo e cruzou para Romarinho abrir o placar aos 33: 1 a 0.

A vantagem, no entanto, acabou três minutos depois. Bem posicionado, Boselli aproveitou um chute errado de Pedrinho, dominou na pequena área e bateu por baixo de Felipe Alves: 1 a 1.

Segundo tempo

A igualdade ascendeu os donos da casa, que passaram a acelerar a troca de passes. De longe, Pedrinho buscou levar perigo em três arremates, todos defendidos pelo arqueiro tricolor.

Na volta do intervalo, o Corinthians voltou pressionando e, aproveitando uma bobeira da defesa, virou o placar com Júnior Urso, de cabeça, logo aos 2. Dessa vez, no entanto, foi o Leão que reagiu quatro minutos depois e através de Kieza. O centroavante desencantou após 17 partidas e deixou tudo igual após checagem do VAR: 2 a 2.

O Fortaleza cresceu e foi buscar o resultado positivo. Apostando no jogo aéreo, viu dois jogadores do Corinthians – Michel e Boselli – acertaram a mão na bola: nada marcado. Aos 27, Júnior Urso cabeceou de longe e encobriu o goleiro Felipe Alves no 3 a 2 que decretou o placar.

*Conteúdo Dário do Nordeste

Leia também



Mult Service_Novembro_2019
IRLANIO LIMA - nov-2019 cortesia (1)

Enquete

VOCÊ ACHA QUE BOLSONARO ACERTOU AO BRIGAR COM SEU PARTIDO, O PSL?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...
© Copyright 2019 — Caririceara.com. Todos os direitos reservados