Há mais de um ano falta equipes multidisciplinares para atendimento de crianças com autismo no Crato

DA AGÊNCIA CARIRICEARA COM JORNAL DA PRINCESA FM
reportagem Henrique Macedo – Foto: Divulgação

Há mais de um ano a população do Crato sofre com falta equipes multidisciplinares para atendimento de crianças com autismo, o que aumenta a aflição dos pais. Com o fechamento do Posto da Grota, os atendimentos estão sendo realizados na sede da Guarda Municipal, local totalmente inapropriado para este tipo de procedimento, o que demonstra o desprezo da prefeitura do Crato com os autistas.

O autismo é um distúrbio com diferentes níveis de comprometimento. Segundo o Manual da Saúde Mental, todas as variações se enquadram dentro do diagnóstico de Transtornos do Espectro Autista, mais conhecido por TEA.

Em entrevista a nossa reportagem, a dona de casa Rejane, mãe de uma criança autista reivindica melhorias.

ESCUTE O ÁUDIO:
A Lei 12.764 de 27/12/2012 determina que a pessoa com transtorno do espectro autista é considerada pessoa com deficiência para todos os efeitos legais, ou seja, tem direito a prioridade no atendimento. Lembrando que a Lei é federal, portanto, vale em qualquer lugar do Brasil. Portanto, a gestão do prefeito Zé Ailton Brasil está descumprindo a lei.

A republicação é gratuita desde que citada a fonte.

Leia também



Top Móveis_Crato Janeiro 2020
Multiservice - Fauston
Banner Câmara do Crato -FEV.2020
Nilton e Célia

Enquete

VOCÊ ACHA QUE BOLSONARO ACERTOU AO BRIGAR COM SEU PARTIDO, O PSL?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...
© Copyright 2019 — Caririceara.com. Todos os direitos reservados