Júri condena há 46 anos, 07 meses e 20 dias de prisão acusado de matar a ex-esposa na Praça da Sé em Crato

DA AGÊNCIA CARIRICEARA
Jota Lopes – Fotos e vídeo: Arquivo/ Caririceara.com

O Conselho de Sentença do Tribunal do Júri da Comarca de Crato condenou o réu de Elson Siebra de Deus, de 48 anos pelo crime de feminicídio, cometido contra a ex-esposa dele, a cuidadora educacional do colégio Pequeno Príncipe Silvany Inácio de Sousa, de 26 anos. Ele deverá cumprir pena de 46 anos, 07 meses e 20 dias de prisão, em regime fechado.

Silvany Inácio de Sousa, de 26 anos assassinad com tres tiros pelo ex-marido no centro de Crato em 19.08.2018 Foto Redes sociais
Silvany Inácio de Sousa, de 26 anos assassinada com três tiros pelo ex-marido no centro de Crato em 19.08.2018 Foto Redes sociais

No início da noite do domingo, dia 19 de agosto de 2018, a vítima se encontrava sentada em um dos bancos da Praça da Sé, área central da cidade onde se realiza os novenários da Festa de Nossa Senhora da Penha quando foi morta a tiros por Elson. Após matar a ex-mulher, o homem se refugiou na casa de sua mãe ao lado da Praça da Sé.

A polícia militar através da Equipe Raio e POG ( Policiamento Ostensivo Geral), tendo à frente o Tenente Demóstenes compareceu ao local do assassinato da mulher vindo a efetuar a prisão de Elson Siebra, bem como apreendendo com ele um revólver calibre 38, além de uma espingarda calibre 20, outra calibre 32, munições diversas e vários outros objetos.

ASSISTA AO VÍDEO NO DIA DO CRIME QUANDO ELSON ACABOU PRESO:
Após ser preso juntamente com os itens apreendidos foi apresentado ao delegado plantonista na Delegacia Regional de polícia Civil do Crato, sendo autuação em flagrante delito pelo crime cometido.

A sessão do julgamento de Elson aconteceu no auditório do Fórum Hermes Parahyba em Crato e teve duração de cerca de 15 horas sem a presença do réu por solicitação de sua defesa. A sentença foi lida já tarde da noite pelo juiz titular da 1ª Vara Criminal da Comarca de Crato, Josué de Sousa Lima Júnior, que presidiu a sessão. A defesa recorreu, mas Elson Siebra vai permanecer recolhido a uma das celas da Penitenciária Industrial e Regional do Cariri (PIRC) em Juazeiro do Norte.

A reportagem ouviu o promotor de justiça José de Deus, a Dona Cícera, mãe da vitima Silvany Inácio e Verônica Carvalho do Conselho da mulher do Crato.

ESCUTE OS ÁUDIOS:
Promotor José de Deus

Mãe de Silvany Inácio, dona Cícera

Verônica Carvalho do Conselho da mulher do Crato

A republicação é gratuita desde que citada a fonte.

Leia também



Top Móveis_Crato Janeiro 2020
CROPPED - FEV_2020
Banner Câmara do Crato -FEV.2020
Dr. João Henrique

Enquete

VOCÊ ACHA QUE BOLSONARO ACERTOU AO BRIGAR COM SEU PARTIDO, O PSL?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...
© Copyright 2019 — Caririceara.com. Todos os direitos reservados