Morre o ator cearense  Eduardo Carneiro, de ‘O outro lado do paraíso’

Morreu na última quinta-feira (8) o ator Eduardo Carneiro, que estava no ar na novela “O outro lado do paraíso”. O artista tinha 52 anos e interpretava um dos garimpeiros da obra. Em nota, a TV Globo confirmou a notícia e informou que o velório do corpo do ator será no Ceará, sua terra natal. A causa da morte não foi revelada.

“O ator Eduardo Carneiro faleceu ontem (8), aos 52 anos, no Rio de Janeiro. Ele fazia parte do elenco de apoio da novela ‘O Outro Lado do Paraíso’ e integrava o núcleo do garimpo. O velório e enterro serão em Fortaleza, ainda sem data e horário definidos”.

O ator Juliano Cazarré, que fez cenas com Carneiro, lamentou a perda nas redes sociais. Os dois contracenaram juntos nas sequências do garimpo da ficção:

“Cearense, Dudu veio para o Rio batalhar pelo sonho de ser artista e viver da arte. Conseguiu. Era um guerreiro. Sempre com uma conversa boa, sempre gentil. Essa vida é mesmo um sopro. E a gente perde tanto tempo e energia reclamando e sofrendo por besteiras (…) Dudu, essa é minha singela homenagem a você. Brasileiro, artista, amigo. Voa, Ceará! Vai fazer teatro com os anjos. A gente se vê” .

Os atores de 'O outro lado do paraíso' ao lado de Eduardo Carneiro, de chapéu e calça
Os atores de ‘O outro lado do paraíso’ ao lado de Eduardo Carneiro, de chapéu e calça Foto: Reprodução/Instagram

Rafael Losso, outro colega do artista, publicou outra mensagem de luto:

“Perdemos um companheiro, amigo e parceiro. Um dos garimpeiros da nossa história que entre nós era conhecido como Ceará. Eduardo Carneiro. Grande ator e guerreiro. Meus sentimentos à família e aos amigos. Um grande abraço pra vc, Du. Que o universo te abrace e você dance com os santos. Por favor, mais amor no mundo porque a vida é um átimo de segundo”.

Eduardo Carneiro tietou a atriz Laura Cardoso
Eduardo Carneiro tietou a atriz Laura Cardoso Foto: Reprodução/Instagram

Eduardo Carneiro participou de outras obras na emissora, entre elas “Cidade dos homens” (2007) e “Velho Chico” (2016)

*As informações são Extra online