Suspeitos de matarem Subtenente do Bope em Fortaleza morrem em confronto com a Polícia Militar, em Juazeiro do Norte

Francisco Wesley Vieira da Silva e David de Lima da Silva não possuíam mandados de prisão em aberto.. FOTO: REDES SOCIAIS
Francisco Wesley Vieira da Silva e David de Lima da Silva não possuíam mandados de prisão em aberto.. FOTO: REDES SOCIAIS

Francisco Weslleey Vieira da Silva, de 28  anos e Igor Canuto Holanda, de 30  são suspeitos de terem assassinado o subtenente  Augusto do Bope. O crime aconteceu na manhã do último dia 06, em Fortaleza.

DA AGÊNCIA CARIRICEARA
Jota Lopes – Foto: Arquivo/ Caririceara.com

Dois suspeitos de matarem o subtenente do Batalhão de Operações Especiais (BOPE) de Fortaleza, Francisco Augusto da Silva, de 46 anos foram localizados e mortos na madrugada desta segunda-feira (29), na periferia de Juazeiro do Norte.   O suboficial, foi assassinado em uma tentativa de assalto no início da manhã do sábado, dia 6, no bairro Vila Manuel Sátiro, na capital cearense.

De acordo com a Polícia Militar do Ceará, o policial havia acabado de sair de casa para trabalhar quando foi surpreendido por um suspeito e alvejado com disparos de arma de fogo. O subtenente Augusto chegou a ser socorrido a uma unidade hospitalar, mas não resistiu aos ferimentos.

Segundo a PMCE, uma garrucha, tipo de arma artesanal, foi apreendida no local do crime. Na fuga, conforme nota enviada pela Polícia Militar, o criminoso roubou um veículo, que foi rastreado pelo sistema de videomonitoramento SPIA da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) que posteriormente foi localizado.

Na data de ontem (28), policiais da 2ª Cia do 4° BPCHOQUE foram informados pelo setor de inteligência da Secretaria de Justiça e cidadania do estado do Ceará, e do serviço de Inteligência do BEPI,  que dois indivíduos envolvidos na morte do Subtenente PM Augusto do BOPE, identificados como Francisco Weslleey Vieira da Silva, vulgo “Chico” de 28 (Foto 01) e  Igor Canuto Holanda, de 30 anos (Foto 02)   e que eram líderes da facção criminosa GDE na região do grande Mondubim, estariam escondidos em uma residencia localizada na Rua Terezinha Pereira e Sousa, 13, na  comunidade denominada de Baixa da Raposa, no Bairro Frei, em Juazeiro do Norte.

De posse das informações, o policiamento se deslocou ao endereço indicado, e ao chegar foi recebido à tiros pelos suspeitos. Os militares revidaram a ação dos infratores, e depois de cessada a troca de tiros,  Igor Canuto e Francisco Weslleey foram  localizados pelos policiais  baleados no interior da casa e socorridos ao Hospital Regional do Cariri onde os dois faleceram logo após darem entrada no setor de emergência do HRC.

Armas apreendidas durante a ação ´policial. Foto: Redes sociais

Durante a ação os PMs apreenderam, dois revólveres calibre 38, um com capacidade para cinco tiros, com a numeração suprimida e outro  de fabricação artesanal, capacidade para um tiro, além de nove  cartuchos intactos e cinco deflagrados e um automóvel GM, modelo Celta 1.0 de cor  prata com placas OJO-9540, inscrição de Maracanaú-CE. As armas apreendidas juntamente com o carro foram apresentadas ao delegado de plantão na  Delegacia Regional de Policia Civil  Juazeiro de Norte, Dr. Douglas Duremberg  Melo Balbino  que adotou os devidos procedimentos.

Reprodução autorizada mediante citação da Agência Caririceara

Leia também



Multiservice - Fauston
Nilton e Célia
Top Móveis_Crato Janeiro 2020

Enquete

Você acha que motoristas alcoolizados devem ser considerados criminosos?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...
© Copyright 2019 — Caririceara.com. Todos os direitos reservados
error: Conteúdo protegido!!