‘Vão atrás de te matar’, alertou assessor a prefeito assassinado em Granjeiro

Prefeito foi assassinado enquanto caminhava à beira de açude em Granjeiro — Foto: TV Verdes Mares/Reprodução. Pai do atual prefeito, que assumiu o cargo após assassinato de ‘João do Povo’, é suspeito de envolvimento no crime e usa tornozeleira eletrônica.

O assessor do prefeito de Granjeiro, João Gregório Neto, afirmou ao G1 que avisou ao gestor que ele seria alvo de um atentado. Kléber Freitas trabalhava com “João do Povo” há três anos e via rivais políticos dispostos a tomar a prefeitura a qualquer custo.

João Gregório Neto, conhecido como João do Povo, foi assassinado a tiros em 24 de dezembro perto da casa dele, em Granjeiro. Na manhã desta sexta-feira (24), a família do gestor pediu justiça e celeridade para prender os responsáveis. A Secretaria da Segurança diz que a hipótese de que o homicídio se trata de um crime político “está cada vez mais forte”. O pai do atual prefeito de Granjeiro, que assumiu o cargo após o assassinato de João do Povo, usa tornozeleira eletrônica e é suspeito de participação no crime.

Segundo Kléber, a primeira alternativa dos rivais foi realizar denúncias de supostos crimes cometidos por João Gregório à Polícia Federal (PF) e ao Ministério Público do Ceará (MPCE). O político era investigado na Operação Bricolagem, realizada em novembro de 2018 para apurar fraudes em licitações de empresas para a construção de escolas no município.

João Gregório Neto estava caminhando quando foi atingido em Granjeiro, no sul do Ceará — Foto: Divulgação/Prefeitura de Granjeiro

João Gregório Neto estava caminhando quando foi atingido em Granjeiro, no sul do Ceará — Foto: Divulgação/Prefeitura de Granjeiro

Leia também



Top Móveis_Crato Janeiro 2020
Multiservice - Fauston
Banner Câmara do Crato -FEV.2020
Nilton e Célia

Enquete

VOCÊ ACHA QUE BOLSONARO ACERTOU AO BRIGAR COM SEU PARTIDO, O PSL?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...
© Copyright 2019 — Caririceara.com. Todos os direitos reservados