Acusado de participação em homicídio contra policial em Campos Sales é preso em São Paulo pela Polícia Militar

Danilo Alves do Nascimento estava foragido vindo a ser preso no dia de ontem por determinação judicial.

DA AGÊNCIA CARIRICEARA
Redação – Foto: Redes sociais

Um homem de 26 anos de idade acusado de participação no crime de morte em que foi vítima o soldado da Polícia Militar do Ceará, José Roberto Lemos, o soldado “Lemos do RAIO” fato ocorrido no dia 08 de maio de 2016, em Campos Sales-CE foi preso neste domingo por volta das 22h00min, na Rua Engenheiro Vitor Freire, 215, Bairro Jaguaré, na cidade de São Paulo-SP.

O profissional Autônomo, Danilo Alves do Nascimento foi preso numa ação conjunta das Polícias Militares dos Estados do Ceará e de São Paulo, em cumprimento a mandado de prisão preventiva decretada no dia 25 de maio de 2016 pela justiça da Comarca do Município cearense. Desde o dia do homicídio, o acusado estava foragido vindo a ser preso no dia de ontem por determinação judicial.

SAIBA MAIS

Luana Alves da Silva, foi presa no município de Pacajus-CE. Ela é acusada de participar no homicídio em que foi vítima o SD. Lemos do Raio, em Campos Sales-CE

Antes no sábado, na mesma operação, Luana Alves da Silva, residente na Rua Raimundo Ferreira de Sousa, Bairro Área Verde, município de Pacajus-CE foi presa pela Polícia Militar por volta do meio-dia. Ela possui em seu desfavor, um mandado de prisão preventiva, oriundo da Comarca de Campos Sales-CE, por infração ao art. 121, ‘§’ 2º, inciso II, do CPB, por também ser acusada de ter participado no crime de homicídio contra o soldado “Lemos”.

No momento em que foi presa, Luana foi encontrada com cerca de 20 trouxinhas de material aparentando ser cocaína, 81 trouxinhas de material aparentando ser crack e 18 trouxinhas de uma substancia aparentando ser maconha, sendo autuada pelo Artigo 33 da Lei nº 11.343.

Danilo Alves do Nascimento e Luana Alves da Silva se encontravam a disposição da justiça de Campos Sales para onde deverão ser recambiados para os devidos procedimentos. O homem deverá ficar recolhido na cadeia publica de Juazeiro e a mulher na do município de Crato.

A republicação é gratuita desde que citada a fonte.

Leia também



Multiservice - Fauston
Top Móveis_Crato Janeiro 2020

Enquete

Qual sua avaliação das ações do governo do presidente Jair Bolsonaro?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...
© Copyright 2019 — Caririceara.com. Todos os direitos reservados