Após sair do velório de um amigo agricultor morre ao colidir moto com automóvel, na CE 176 em Assaré-CE

DA AGÊNCIA CARIRICEARA
Jota Lopes – Fotos: Reprodução/WhatsApp

Um agricultor de 60 anos morreu nesta sexta-feira (08), em uma colisão entre veículos na CE 176, em Assaré-CE. Por volta das 16 horas Raimundo da Silva Rodrigues que residia na rua Honório Vila Nova, 123, centro daquela cidade guiava sua motocicleta modelo Titan 125 CC, cor vermelha, ano 1995, de placa HUN-9163-CE retornando do velório de um amigo seu na zona rural daquele município quando na rotatória da rodovia estadual na entrada da sede do município que também dá acesso a Antonina do Norte-CE, colidiu frontalmente com um veículo VM/Fox 1.0 GII, cor vermelha, placa EPT-6602-SP, ano/modelo de fabricação 2010/2011. Ele ainda chegou a ser socorrido ao hospital de Assaré aonde o médico plantonista Gilvaldo Alves Pinheiro constatou o óbito. Com o impacto da violência da colisão os veículos ficaram bastante avariados principalmente a moto que ficou totalmente destruída.

O carro era guiado pelo motorista, Antonio Soares Pereira, 37 anos, residente na Vila São José, Osasco-SP que transportava como passageira uma filha sua de cinco anos de idade que viajava na cadeirinha de segurança acoplada ao cinto no banco traseiro do carro. Segundo a policia, Antonio relatou que dirigia no sentido Antonina do Norte, com destino à cidade de Arneiroz-CE a uma velocidade de 80km/h quando o motociclista não respeitou a sinalização de “Pare” e avançou a preferencial sendo colhido pelo carro. Ainda segundo a polícia, o condutor do automóvel após a batida desceu do veiculo e socorreu a vitima, inclusive pedindo ajuda a quem passava pelo local onde permaneceu até a chegada do policiamento.

Os militares que atenderam a ocorrência afirmaram terem observado que o motorista do carro não aparentava ter ingerido bebida alcoólica, e apenas estava nervoso, mas relatava o fato com convicção e todo o tempo abraçava a sua filha de cinco anos. O fato foi comunicado ao Delegado de Plantão da 19ªDRPC do Crato, Levi Gonçalves Leal que orientou os PMs a fazerem um relatório e enviar ao Delegado de Assaré o bacharel Bruno Rafael Vital Sampaio, para os Procedimentos Cabíveis.

Outra morte violenta foi registrada ontem em Assaré. Por volta das 11h30min a policia militar tomou conhecimento através de uma das enfermeiras plantonistas do hospital daquele município de que havia chegando naquela unidade hospitalar, já em óbito um paciente  de nome Manoel Dionizio de Sousa Filho, 22 anos de idade, profissão agricultor que residia Rua do Alto, 123, no distrito de Amaro. Segundo a profissional de saúde, relatos das pessoas que fizeram o socorro, a vítima supostamente teria ingerido veneno por engano.

A guarnição policial composta pelos Sargentos Haroldo, Sampaio, Serra,  e soldado Mikael foi acionada para  hospital sendo informada pelo médico plantonista Givaldo Alves Pinheiro que o mesmo não poderia atestar a causa da morte por envenenamento orientando  aos militares que solicitasse a presença da Perícia Forense  para  fazer o traslado do corpo para ser necropsiado.

Os policiais foram informados por dois vizinhos de Manoel Dionizio, que ele tinha chegado da roça e estava na calçada de casa no Distrito de Amaro, conversando com alguns amigos, quando perguntou se alguém tinha cachaça; como ninguém tinha, o mesmo pegou uma garrafa que estava embaixo de uma mesa com uma substância liquida desconhecida, supostamente veneno, e após ingerir esse liquido dizendo ser cachaça começou a passar mal e desmaiou. De imediato foi socorrido pelas testemunhas para o Hospital municipal de Assaré que fica a cerca de 20 km da residência onde ocorreu o fato.

O recipiente onde estava o suposto veneno foi trazido ao hospital pelas testemunhas e recolhido pela equipe da perícia forense para posterior exame, para se comprovar se realmente se tratava de veneno.  Segundo as testemunhas, o fato é que Manoel Dionísio faleceu logo após ter ingerido esta substancia, e que o mesmo não era alcoólatra e se tratava de uma pessoa jovem e disposta, sem problemas sociais e(ou) psicológicos, bem como não apresentava nenhum problema de saúde.

©Todos direitos reservados a Caririceara.com. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível de ação judicial com base na Lei nº 9.610, de 19 de fevereiro de 1998 dos Direitos Autorais.

Leia também



Multiservice - Fauston
Top Móveis_Crato Janeiro 2020

Enquete

Qual sua avaliação das ações do governo do presidente Jair Bolsonaro?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...
© Copyright 2019 — Caririceara.com. Todos os direitos reservados