“Bidoga” morre com tiro na cabeça após troca de tiros com a polícia de Cedro-CE.

Redação/Agência Caririceara.com
Foto: Arquivo/Caririceara.com

Um adolescente, de 14 anos morreu na manhã nesta sexta-feira (03) após uma troca de tiros com a Polícia do município de Cedro, na região centro-sul cearense. Segundo a PM, o fato se deu após o casal, Lucas de Souza Silva, 22 anos, profissão agricultor e Cícera Lidiane Nascimento Rodrigues, 27 anos, profissional autônoma informa ao destacamento militar local que quatro indivíduos teriam ido no dia anterior (02/02/2017) a sua residência na travessa São Jorge, 89, Bairro Prado, e efetuado disparos contra suas pessoas. As vítimas afirmaram terem reconhecidos os acusados como sendo os menores, M. N.O. de 14 anos, apelidado por “Bidoga”, residente a rua professor Natanael Cortez “B”, no bairro Prado; C.P.S vulgo “Tartaruga”, 16 anos, com residência na rua Cel. João Candido, Bairro Fátima; L.W.S chamado de “Wesley”, 17 anos que mora na rua 21 de outubro, Bairro Alto do Padeiro todos na cidade de Cedro; e a maior de idade, Juliana da Silva, 22 anos, residente a Rua José de Alencar, 1488, Nossa Senhora de Lourdes, em Aracati/CE.

Diante das informações a patrulha policial compostas pelo coordenador da PM de Cedro, Tenente Weliton e Sargentos Santana e Helaécio, Soldados Tavares, Pinheiro, David, Sidney e Jolf, com apoio dos Inspetores da polícia Civil, Gerson e Regis passou a diligenciar em torno do ocorrido. Durante as diligências os policiais avistaram nas proximidades do bairro Açude Novo o quarteto acusado em um matagal, os quais tentaram se evadir vindo a atirar contra o policiamento que respondeu a agressão sofrida. Na troca de tiros o adolescente “Tartaruga” foi alvejado com um tiro na perna direita e socorrido para o hospital regional de Juazeiro do Norte/CE e “Bidoga” veio a óbito no local da ocorrência com um disparo de arma de fogo na cabeça.

De acordo com os policiais, foram encontrados em poder dos acusados dois revolveres calibre 38 com as numerações raspadas, um contendo três munições intactas e três munições deflagradas e o outro com duas munições intactas e duas munições deflagradas. Após o confronto foi acionado a ambulância do SAMU que socorreu o indivíduo alvejado, enquanto que Juliana e “Wesley” foram conduzidos a delegacia de Polícia civil de Orós/CE juntamente com as armas apreendidas para realização dos procedimentos cabíveis.

Leia também



Multiservice - Fauston
Top Móveis_Crato Janeiro 2020

Enquete

Você acha que motoristas alcoolizados devem ser considerados criminosos?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...
© Copyright 2019 — Caririceara.com. Todos os direitos reservados