Bispo Coadjutor da Diocese de Crato fala pela primeira vez a imprensa do Cariri e é apresentado a comunidade Diocesana

A população católica do Crato foi às Ruas da cidade na manhã desse sábado, para dar as boas vindas ao bispo-coadjutor da Diocese de Crato Dom Gilberto Pastana de Oliveira. Ele foi recebido na entrada da cidade, no bairro Batateiras onde foi recepcionado por Dom Fernando Panico, Padres, e populares. Depois, Dom Gilberto em carro aberto, passou pelo centro da cidade, até a residência episcopal no bairro Granjeiro.

Nomeado no dia 18 de maio pelo Papa Francisco como bispo coadjutor da Diocese de Crato, Dom Gilberto Pastana falou pela primeira vez a imprensa do Cariri em coletiva na tarde desse sábado (16), ao lado do Vigário Geral da Diocese Padre José Vicente.

Padre José Vicente explicou que por orientação médica, o bispo diocesano Dom Fernando Pânico não pode comparecer a coletiva de imprensa…………….

Dom Gilberto Pastana afirmou que recebeu com impacto e com alegria a notícia que seria transferido para a cidade do Crato………………………

Dom Gilberto afirma que caminhará com o povo romeiro que sempre visita a região do Cariri e sobre o transporte Pau de Arara………………………..

O novo bispo coadjutor fala ainda da figura do Padre Cícero…………………….

Dom Gilberto Pastana afirma que é um bispo exigente e que fará visita a todas as 55 paróquias que compõem a Diocese de Crato………………………..

Na manhã deste domingo houve o café da manhã no antigo Palácio Episcopal. Depois, um cortejo em direção a Sé Catedral.
Marcaram presença no evento Dom José Antônio Aparecido Tosi Marques (Arcebispo Metropolitano de Fortaleza), Dom Ângelo Pignoli (Bispo de Quixadá–CE), Dom Edson de Castro Homem (Bispo de Iguatu–CE), Dom José Haring (Bispo de Limoeiro do Norte), Dom Magnus Henrique Lopes (Bispo de Salgueiro–PE), Dom Severino Batista de França (Bispo-emérito de Nazaré da Mata–PE), além do monsenhor Agripino Ferreira de Assis (Administrador Diocesano de Cajazeiras-PB), e expressivo número de sacerdotes desta diocese, de uma representação do clero da Diocese de Imperatriz (MA), além de padres de outras dioceses nordestinas.

Dom Fernando Panico fez a apresentação de Dom Gilberto aos presentes.
Dom Gilberto Pastana de Oliveira, nascido dia 29 de julho de 1956, em Boim- PA tem cinquenta e nove anos, sendo trinta anos dedicados ao sacerdócio. Estava como Bispo da Diocese de Imperatriz, Maranhão. É Mestre em Teologia com especialização em Teologia Espiritual, Roma-Itália. Seu lema é “Venha o teu reino (Mt 6, 10a)”. Foi ordenado Bispo dia vinte e oito de outubro de 2005.

Dentre as atividades desenvolvidas antes do episcopado, Dom Gilberto já foi Vigário Paroquial de Santo Antônio – Mojuí dos Campos-PR (1984-1987); Reitor do Seminário São Pio X (1987-1990); Coordenador Diocesano de Pastoral (1993-1996 e 2002); Pároco de Nossa Senhora Aparecida (1993-1995); Vice-Reitor do Seminário Maior Interdiocesano São Gaspar, Belém-PA (1996); Coordenador do Departamento de Filosofia e Teologia no Instituto de Pastoral Regional-IPAR, Belém-PA (1996-1998); Vigário da Paróquia Nossa Senhora da Conceição, Belém, PA (1997-1998); Pároco de Nossa Senhora de Fátima, Santarém, PA (1999-2005); Diretor da Rede Vida de Televisão (2000-2005); Vigário Geral da Diocese (2002-2004).

Foto: João Vieira/Agencia Caririceara.com
Por: João Vieira/Agência Caririceara.com
*Com colaboração do Radialista Paulo Dimas

Todos direitos reservados a Caririceara.com. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização sob pena, de punição de acordo a Lei dos Direitos Autorais.

Leia também



Multiservice - Fauston
Top Móveis_Crato Janeiro 2020

Enquete

Qual sua avaliação das ações do governo do presidente Jair Bolsonaro?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...
© Copyright 2019 — Caririceara.com. Todos os direitos reservados