Ceará é um dos 9 Estados com pedido na Anvisa para importação da vacina Sputnik

O Ceará é um dos 9 Estados com pedido enviado à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para importação da vacina Sputnik V. O imunizante, que é da Rússia, deverá chegar, por meio de consórcio, a outras oito unidades da federação – Bahia, Acre, Rio Grande do Norte, Maranhão, Mato Grosso, Piauí, Pernambuco e Sergipe. A análise desses pedidos tem tramitação mais rápida. A Resolução da Diretoria Colegiada da Anvisa (RDC) disciplina as condições para autorização excepcional e temporária de vacinas contra covid-19. O pedido

Uma nota da Agência Nacional de Vigilância Sanitária expõe as preocupações com agilidade desse processo, dentro de critérios de segurança, qualidade e eficácia. “A Anvisa permanece comprometida com a disponibilização de vacinas à população em tempo oportuno e com a devida segurança, qualidade e eficácia. Assim, segue atuando conforme os procedimentos científicos e regulatórios necessários à autorização desses produtos”, diz a nota da agência.

O Governador Camilo Santana (PT) é um dos mais entusiasmados com a compra da vacina por considerar que, somente com a imunização, os brasileiros poderão encontrar o caminho mais curto para retomada da vida econômica, social e educacional.

De acordo com Camilo, o Ceará adquiriu 5 milhões, 870 mil doses da Sputinik. Todas as doses serão entregues ao Ministério da Saúde que as redistribuirá para todo o Brasil dentro do Plano Nacional de Imunização (PNI). A farmacêutica União Química, que produzirá o imunizante da Rússia no Brasil, aguarda autorização da Anvisa para uso emergencial da vacina.

*Ceará Agora

Leia também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Multiservice - Fauston
Top Móveis_Crato Janeiro 2020

Enquete

Qual sua avaliação das ações do governo do presidente Jair Bolsonaro?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...
© Copyright 2019 — Caririceara.com. Todos os direitos reservados