Crimes de homicídio e tentativa de morte registrados em Cedro, Ceará

IMG-20220422-WA0005

Durante buscas pelos suspeitos, a PM prendeu um homem por tráfico de drogas. Casos ocorreram na noite desta quinta-feira (21) no bairro Alto do Padeiro, em Cedro, Ceará.

DA AGÊNCIA CARIRICEARA
Jota Lopes – Foto: Redes sociais

Um homicídio e uma tentativa de morte foram registrados em Cedro (CE) na noite desta quinta-feira (21). As vítimas foram atingidas por disparos de arma de fogo e os suspeitos fugiram. Durante as buscas em torno do duplo crime, a polícia militar efetuou a prisão de um homem por suspeita de trafico de drogas.

De acordo com o registro da ocorrência, o destacamento policial militar de Cedro por volta das 19h30min recebeu denúncias anônimas relatando que indivíduos estariam circulando com armas de fogo pela Rua Marechal Deodoro, no Bairro Alto do Padeiro. Uma composição PM foi acionada para averiguar as informações, e ao chegar no endereço indicado constatou a veracidade dos fatos. No local estavam alvejados a tiros, o agricultor José de Souza Batista, de 39 anos e a doméstica Tatiane Nunes de Oliveira Batista, de 36, ambos residentes no imóvel aonde ocorreu a dupla ação criminosa.

Inicialmente o casal foi socorrido pela ambulância do município, ao Hospital Zulmira Sedrin de Aguiar. O homem sofreu seis perfurações à bala, na região da cabeça, e já chegou à unidade de saúde em óbito enquanto que a mulher foi baleada na mão direita e na cabeça. A doméstica foi transferida para o Hospital Regional, na cidade de Icó/CE. A polícia de Cedro informou que José de Souza respondia a inquéritos policiais por três furtos, e uma lesão corporal e atualmente estava sendo monitorado por tornozeleira eletrônica enquanto que Tatiane Nunes não possui antecedentes criminais registrados.

Durante as buscas pelos acusados do crime contra o casal, a polícia foi informada de que a dupla ação criminosa teria sido cometida por um individuo tornozelado conhecido como Igor do Jardim na companhia da pessoa de Kayk Filho de Cicero de Cândido, este residente na Rua Rosita Afonso, no Bairro Jardim Afonso. O policiamento seguiu para a residência do segundo denunciado onde avistou três indivíduos correndo pelos fundos do quintal do imóvel, aonde foi feito o cerco e em seguida a abordagem, sendo os suspeitos identificados como, Kayk Lima de Araújo, de 19 anos sem profissão definida, residente no local, o qual já responde a dois crimes de assaltos e atualmente é monitorado por tornozeleira eletrônica; e dois adolescentes de iniciais M.V.S.N e D.K.M.L, ambos de 16 anos sem passagens policiais.

Três aparelhos de telefonia celular, seis cartelas de comprimidos diversos e cento e trinta papelotes de substância que aparenta ser cocaína, totalizando noventa e seis gramas apreendidos durante buscas pelos suspeitos. Foto: Redes sociais
Três aparelhos de telefonia celular, seis cartelas de comprimidos diversos e cento e trinta papelotes de substância que aparenta ser cocaína, totalizando noventa e seis gramas apreendidos durante buscas pelos suspeitos. Foto: Redes sociais

 

No momento da prisão, Kayk negou a sua participação no duplo crime contra o casal. Segundo a polícia, ele afirmou que teria sido Igor do Jardim o autor do homicídio e da tentativa de morte. A PM se deslocou até a residência de Igor do Jardim onde a genitora deste, informou que o filho teria se evadido, tomando rumo ignorado. O policiamento fez diligências, porém sem sucesso na localização do mesmo. Em ato contínuo, foi acionado o Núcleo de Ciências Forense (Antigo Instituto Médico Legal-IML) de Iguatu que realizou o translado do corpo do agricultor assassinado para a realização da necropsia.

Segundo os policiais que atenderam as ocorrências, no momento da abordagem a Kayk e aos dois adolescentes foram encontrados três aparelhos de telefonia celular, seis cartelas de comprimidos diversos e cento e trinta papelotes de substância que aparenta ser cocaína, totalizando noventa e seis gramas. O trio , bem como, todo o material apreendido, foi conduzido até Delegacia Regional no vizinho município de Iguatu/CE, onde o delegado plantonista Dr. Ariel Alves de Freitas determinou a Instauração de Inquérito Policial, em desfavor do Kayk Lima que em seguida foi recolhido a Cadeia Pública de Cedro, enquanto que os dois menores de idade, foram ouvidos como testemunhas em seguida liberados.

Reprodução autorizada mediante citação da Agência Caririceara

Leia também



PATOM
WhatsApp Image 2022-07-28 at 08.57.10

Enquete