Dorival Júnior anuncia a saída do comando do Flamengo: “Muito obrigado”

Foto: Gilvan de Souza/Flamengo
Foto: Gilvan de Souza/Flamengo

Mentor das conquistas da Copa do Brasil e Libertadores 2022, o treinador de 60 anos não teve o vínculo renovado. O português Vítor Pereira é o mais cotado para assumir o cargo

Dorival Júnior não é mais o técnico do Flamengo. O treinador de 60 anos anunciou o desligamento nesta sexta-feira (25/11), em vídeo publicado nas redes sociais. Na publicação, o comandante explica que a diretoria rubro-negra está de olhos em mudanças.

A confirmação da saída de Dorival Júnior aconteceu horas depois das especulações sobre uma negociação entre Flamengo e o português Vítor Pereira, ex-Corinthians.

“Muito obrigado de coração. Muito obrigada pela forma que eu fui recebido nesse clube. Eu tentei fazer o meu melhor, entreguei tudo o que foi possível para alcançar esses dois títulos. Um beijo no coração a cada um de vocês, torcedores do Clube de Regatas do Flamengo”, disse Dorival Júnior.

“Cheguei em 10 de junho no Clube de Regatas Flamengo e para mim foi uma emoção única. O que vivemos juntos, o que aconteceu a partir daí, o impulsionamento que ganhamos com a participação de cada um de vocês foi algo que me impressionou e que marcou minha vida, carreira e história”, compartilhou.

A saída de Dorival Júnior foi uma escolha da diretoria. O profissional ficou se sentiu desprestigiado diante da arrastada renovação de contrato. Tanto ele quanto o clube se reuniram para um novo vínculo. No entanto, o Flamengo segurou a negociação, enquanto monitorava o mercado, sobretudo, Vítor Pereira.

Dorival Júnior deixa o Flamengo após 43 jogos. Nesse período, foram 26 vitórias, oito empates e nove derrotas. Sob a batuta do experiente treinador, o rubro-negro conquistou os títulos da Copa do Brasil e Libertadores, além de ter terminado a temporada na quinta colocação do Campeonato Brasileiro, com 62 pontos e 54% de aproveitamento.

*Conteúdo do Correio Braziliense

Leia também



PATOM

Enquete