Em Juazeiro, nova greve de servidores deverá começar após o Dia do Trabalho

Conteúdo do robertocrispim.com.br

Juazeiro do Norte. Servidores públicos deste município decidiram na manhã de hoje (25), durante assembleia da categoria, realizada no Círculo Operário, pela deflagração de greve por tempo indeterminado, ou até que o governo local apresente proposta de reajuste salarial que atenda às demandas da categoria.

A paralisação deve ter início a partir da próxima quarta-feira, 02, um dia após o feriado do Dia do Trabalho. O Sindicato dos Servidores Públicos do Município de Juazeiro do Norte (Sinsemjun) defende reajuste na margem de 8,32%. A Prefeitura, no entanto apresentou proposta inferior ao que foi pedido pelos trabalhadores.

Conforme a entidade, os percentuais de reajuste, que deveriam ter sido concedidos no mês de janeiro, têm como base a inflação de 2017, somadas as perdas registradas no ano passado, que equivalem a 4% do salário base da categoria.

No mês de fevereiro, a categoria havia decidido que não haveria paralisação este ano , caso o prefeito do município, Arnon Bezerra (PTB), garantisse um percentual de, pelo menos, 4% de reajuste. O índice mínimo também não foi atendido pela gestão municipal.

Conforme apurado pelo Por Dentro do Assunto, o prefeito Arnon Bezerra está em Brasília, participando de reuniões e encontros com parlamentares do Ceará, em busca de emendas. O retorno do prefeito à Juazeiro está previsto para amanhã à tarde. Conforme assessores, tão logo chegue ao município, ele deve se reunir com o setor financeiro da Prefeitura para tomar ciência da situação e, possivelmente, tentar impedir a realização da greve, a partir de uma nova reunião com os representantes dos servidores municipiais.

Leia também



Multiservice - Fauston
Top Móveis_Crato Janeiro 2020

Enquete

Qual sua avaliação das ações do governo do presidente Jair Bolsonaro?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...
© Copyright 2019 — Caririceara.com. Todos os direitos reservados