Festival de Humor Cearense celebra o riso e o talento da nossa gente em uma edição 100% digital

Com transmissão pelo Youtube do Sesc Ceará, evento acontece de 27 a 30 de janeiro. Além das apresentações, o evento vai exibir um webdoc, dividido em quatro episódios, sobre a história do humor no Estado

O riso vai rolar solto em janeiro! De 27 a 30 de janeiro, o público terá a chance de conferir o Festival de Humor Cearense (FHC), que nessa edição acontece de forma totalmente digital, reunindo o que há de melhor da nossa molecagem. As lives, que prometem fazer a alegria de pessoas de qualquer lugar do mundo, serão gravadas diretamente do Teatro Chico Anysio, em Fortaleza, com transmissão pelo Youtube do Sesc Ceará, seguindo todos os protocolos das autoridades sanitárias.

Assim como nas edições anteriores, o FHC promoverá shows de artistas já consagrados nacionalmente, a exemplo de Dona Irene e Keké Dentão (27), Manguaça (28), Superedson e Juanito, com o espetáculo “Elas Cansam Roberto” (29), e Alex Nogueira (30). E com o objetivo de dar visibilidade para as novas gerações de humoristas, o Festival também promoverá a Mostra Competitiva, em que três artistas subirão ao palco do Teatro para mostrar seus talentos. O melhor de cada noite fará uma apresentação no último dia do evento, quando acontecerá a grande final.

Uma das novidades este ano será o webdoc “Ceará de Bom Humor”, gravado no formato 360º, diretamente do Museu do Humor Cearense, anexo ao Teatro Chico Anysio. Serão quatro episódios, com a participação de Zebrinha, Motoka, Leide Daiana e Alex Nogueira. O público poderá conferir, por exemplo, a história de Paula Nei, considerado o primeiro humorista brasileiro, até causos e curiosidades de artistas contemporâneos, tudo contado através de um rico acervo de peças que pertenceram aos artistas do riso, como o jaleco do Professor Raimundo e o Troféu Imprensa de Chico Anysio, além de figurinos e objetos de nomes como Adamastor Pitaco e Alex Nogueira.

O webdoc, que estará disponível no Youtube do Sesc Ceará, mostrará ainda um pouquinho da Praça do Ferreira, representada no Museu do Humor Cearense pelos seus mais fortes símbolos e histórias. No local, há ainda salas em homenagem ao filme Cine Hollíúdy, ao humorista Quintino Cunha, além de um ambiente exclusivo com livros de humor, a Biblioteca Prof. Raimundo, dentre outros espaços que serão apresentados para os espectadores.

O FHC aconteceu pela primeira vez no ano de 2004. De lá para cá, já foram realizados mais de 200 shows, reunindo artistas de todo o Brasil. Idealizado pelo escritor Giovani de Oliveira, o evento é uma realização do Sesc Ceará, com produção do Museu do Humor Cearense, que tem à frente o humorista Jader Soares, o Zebrinha, que também será apresentador do Festival.

Serviço

Festival de Humor Cearense (FHC)
Dias: 27 a 30 de janeiro
Horário: 19h
Transmissão: Youtube do Sesc Ceará

Informações: 85 999 91 0460

Programação:

Dia 27 – (Quarta)

19h – Dona Irene e Keké Dentão

(Mais 3 humoristas na Mostra Competitiva)

Dia 28 – (Quinta)

19h – Manguaça

(Mais 3 humoristas na Mostra Competitiva)

Dia 29 (Sexta)

19h – “Elas Cansam Roberto”

Superedson e Juanito

(Mais 3 humoristas na Mostra Competitiva)

Dia 30 – (Sábado)

19h – Alex Nogueira

(Mais 3 humoristas na Mostra Competitiva)

Apresentação: Zebrinha

Leia também



Multiservice - Fauston
Top Móveis_Crato Janeiro 2020

Enquete

Qual sua avaliação das ações do governo do presidente Jair Bolsonaro?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...
© Copyright 2019 — Caririceara.com. Todos os direitos reservados
error: Conteúdo protegido!!