Funcionário terceirizado da PIRC é preso dentro do presídio com drogas e fardas falsificadas

Juazeiro do Norte. Um funcionário terceirizado da Penitenciária Industrial Regional do Cariri (Pirc) foi preso em flagrante na manhã desta segunda-feira (13) com 1 kg de maconha e vários blusas falsificadas do fardamento dos agentes. Francisco Batista da Silva trabalhava como eletricista na unidade prisional há seis anos e estava sendo investigado desde o ano passado.

Na sala do suspeito, que fica dentro do presidio, os agentes encontraram drogas e fardas que seriam “repassadas aos internos para facilitar fugas”, conforme destacou Carlos Eduardo de Brito, diretor do Sindicato dos Agentes Penitenciários (Sindasp-CE). Ainda segundo o diretor, Dunga, como era popularmente conhecido, também fornecia informações sigilosas aos bandidos, como placas de carros, modelo de veículos, nome dos agentes que trabalhavam na Pirc e até armas. “Temos a informação que ele colocou duas armas para dentro do presídio”, pontuou Brito.

O eletricista foi levado para prestar depoimento na Delegacia Regional de Polícia Civil de Juazeiro do Norte, no entanto, ele não informou a quanto tempo cometia os crimes. Mas, segundo Eduardo de Brito, os crimes tiveram início há aproximadamente dois anos. Dunga será autuado por tráfico de drogas com agravante.

Diário Cariri/ Fotos: Divulgação

Leia também



barbalha 24.jan-2022

Enquete

Este ano haverá eleições. Qual deve ser a prioridade dos candidatos a Presidente e a Governador?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

Copyright Site Caririceara. Todos os direitos reservados. ©2012 —2022