Gretchen fala sobre Anitta: ‘Ela é a Gretchen dos anos 2000’

Notícias por minuto

Durante o programa ‘SuperPop’ desta quarta-feira (7), Gretchen comemorou 40 anos de sucesso e polêmicas participando do quadro Porta da Fama. Durante sua presença, a bela comentou sobre algumas celebridades e, ao ser questionada por Luciana Gimenez sobre uma possível intriga entre ela, a modelo Viviane Araújo e a cantora Anitta, a rainha do rebolado não economizou elogios ao citar a funkeira. “Ela é a Gretchen dos anos 2000. Com uma coisa a mais, né, canta muito mais do que eu, mas é incrível. Ela é a Madonna brasileira”, disse.

Além disso, Gretchen desabafou ao falar sobre dois políticos brasileiros: os deputados Jean Wyllys e Marco Feliciano. “Quando ele [Jean Wyllys] quis entrar na política eu acreditei nele, mas foi uma grande decepção”. Sobre o Marco Feliciano, a modelo foi enfática ao dizer que ele é “desprezível”. “A pessoa que é de Deus não julga. Só desejo que ele tenha um filho homossexual. O que a gente tem que conversar a gente conversa nos tribunais”, afirmou ao lembrar que o deputado já a criticou durante participação em um programa de TV.

Ainda na entrevista, Gretchen também defendeu a palmada na educação das crianças e agradece as que levou de seu pai. “Já apanhei muito dele. Hoje, que sou mãe, com a personalidade e integridade que possuo, agradeço as palmadas que levei dele porque, graças a isso, me tornei quem sou hoje”. E ainda confessou: “Eu trato meus filhos com o ‘não e acabou’. E, se precisar de umas palmadas, dou sim”.

Leia também



Multiservice - Fauston
Top Móveis_Crato Janeiro 2020

Enquete

Você acha que motoristas alcoolizados devem ser considerados criminosos?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...
© Copyright 2019 — Caririceara.com. Todos os direitos reservados