Homem é preso em flagrante suspeito de matar cachorro a pauladas em Barbalha

José Galvão dos Santos, de 43 anos, com antecedentes criminais por porte ilegal de arma de fogo e crime ambiental, foi capturado após acionamento da Polícia Militar para uma ocorrência de maus-tratos contra o animal. FOTO: REDES SOCIAIS

Uma ação da Polícia Militar , com objetivo de coibir crimes contra animais, resultou na prisão em flagrante de um homem suspeito de matar um cachorro. O caso foi registrado no último domingo (03), em Barbalha. O suspeito foi conduzido para a Delegacia Regional de Juazeiro do Norte, onde foi autuado no artigo 32, parágrafo 1° e 2°-A, da Lei nº 9.605/1998, conhecida como “Lei Sansão”, que teve alterações e está em vigor desde setembro de 2020.

José Galvão dos Santos, de 43 anos, com antecedentes criminais por porte ilegal de arma de fogo e crime ambiental, foi capturado após acionamento da Polícia Militar para uma ocorrência de maus-tratos contra um animal, registrado na tarde de ontem, no bairro Mata do Lima, em Barbalha. Segundo informações policiais, José Galvão havia agredido até a morte um cachorro, após alegar que o animal estaria doente. O homem, que não é o tutor do animal, recebeu voz de prisão e foi conduzido para a delegacia regional.

Na unidade, o investigado, que confessou a autoria do crime, foi autuado em flagrante por maus tratos, com base na alteração da lei de crimes ambientais, onde o suspeito poderá ter reclusão de dois a cinco anos.

Reprodução autorizada mediante citação da Agência Caririceara

Leia também



Multiservice - Fauston
Top Móveis_Crato Janeiro 2020

Enquete

Qual sua avaliação das ações do governo do presidente Jair Bolsonaro?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...
© Copyright 2019 — Caririceara.com. Todos os direitos reservados