Juazeiro do Norte registra dois homicídios num intervalo de meia-hora no final da madrugada deste domingo

Rabecão.

O acusado de homicídio e tráfico de drogas, Cicero Anderson, 18 anos foi morto a bala no João Cabral e outro jovem, este ainda não identificado foi assassinado no Santa Teresa.

DA AGÊNCIA CARIRICEARA
Jota Lopes – Foto: Arquivo/ Caririceara.com

Dois homens foram assassinados em Juazeiro do Norte no intervalo de meia-hora, no final da madrugada deste domingo (26). Os crimes aconteceram no Bairro João Cabral e Santa Teresa.

O primeiro caso ocorreu por volta das 05h20min, na rua Pio Norões no João Cabral. Um jovem de 18 anos que segundo informações da CIOPS Juazeiro do Norte, já possuía antecedentes criminais por homicídio e trafico de drogas, identificado por Cicero Anderson Lima dos Santos que residia no local da ocorrência morreu ao ser atingido por vários disparos de arma de fogo.

Os militares que atenderam a ocorrência afirmaram que tomaram conhecimento através de populares, que a ação criminosa foi cometida por um individuo apelidado por “Gordão” que fugiu numa motocicleta de características não anotadas seguindo destino ignorado. Cicero Anderson ainda foi socorrido ao Hospital Regional do Cariri, mas não resistiu aos ferimentos sofridos, vindo a óbito minutos depois de dar entrada no setor de emergência do HRC.

Cerca de trinta minutos depois, um rapaz ainda não identificado de idade aparente 25 anos, foi morto a tiros na rua na Rua São Damião com a Delmiro Gouveia (área conhecida na cidade como “Faixa de Gaza”), no Santa Teresa. A autoria do ato delituoso ainda é desconhecida, diz a policia. O corpo foi localizado por populares.

No local a policia apreendeu, algumas cápsulas de munições. O corpo do desconhecido igualmente ao de Cicero Anderson foi removido pelo rabecão da perícia forense do cariri para ser necropsiado.

Com o registro desses dois homicídios, subiu para 37 o número de pessoas vítimas desta modalidade de crime em Juazeiro do Norte, em 2019. A última tinha sido Erinaldo Rodrigues, de 21 anos, que residia no bairro Betolândia, morto a tiros no Conjunto São Sebastião II do Minha Casa Minha Vida no bairro Brejo Seco no dia 30 de abril último. Segundo a policia, ele era dependente químico e já tinha sido vítima de um tentativa de homicídio no mês de fevereiro deste ano.

A republicação é gratuita desde que citada a fonte.

Leia também



PATOM

Enquete