Justiça inocenta vereador acusado de extorsão pelo ex-prefeito Samuel Araripe por não ter apresentado provas

Escrito mais um capítulo da novela do suposto mensalinho do Crato em 2013, o famoso caso dos cinquentinha que ganhou repercussão a época em todo o Estado.

O ex- prefeito Samuel Araripe por meio de entrevistas em Rádios da região, acusou vários vereadores do Crato de estarem lhe extorquindo para aprovarem suas contas de governo de 2009, fato nunca comprovado pelo ex-gestor.

Logo após as declarações do ex-prefeito, o vereador Tiago Esmeraldo (PP) o interpelou judicialmente no dia 13 de outubro de 2013, para que Samuel Araripe pudesse dá explicações acerca dos supostos casos de extorsões, apresentando provas de que alguns vereadores estavam de fato lhe extorquindo.

Somente agora no dia 18 de Março de 2016 saiu à decisão do Juiz favorável ao vereador Tiago Esmeraldo inocentando-o das acusações de extorsão feitas pelo ex-prefeito Samuel Araripe já que ele não apresentou provas.

Agora o parlamentar entrará com uma ação de reparação de danos morais contra Samuel Araripe no valor de quarenta salários mínimos.

A Reportagem do Site Caririceara conversou com o vereador Tiago Esmeraldo sobre seu pronunciamento nesta terça feira na câmara municipal……………………

Tiago Esmeraldo relata quais as perguntas feitas ao ex-prefeito por meio da interpelação, perguntas estas nunca respondidas……………………………….

Foto: Jota Lopes
Por: João Vieira/Agência Caririceara.com
*Com colaboração do Radialista Paulo Dimas

Leia também



Multiservice - Fauston
Top Móveis_Crato Janeiro 2020

Enquete

Você acha que motoristas alcoolizados devem ser considerados criminosos?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...
© Copyright 2019 — Caririceara.com. Todos os direitos reservados