Mateus Solano fala sobre rotina sustentável: “Uma vida muito mais repleta de sentido”

Ator tem tentado influenciar outras pessoas a mudarem seu movo de viver para uma rotina com mais consciência de consumo e ambiental.  (Foto: Reprodução/Instagram)

Mateus Solano tem uma rotina toda pensada na preservação ambiental e na redução dos impactos prejudiciais ao meio ambiente. Na casa que divide com a mulher, a atriz Paula Braun, e os filhos, Flora e Benjamin, o ator reutiliza água da chuva, usa painéis solares para reduzir o consumo de energia e faz reutilização do lixo orgânico como adubo natural

“Temos cada vez mais consciência daquilo que estamos consumindo. Buscamos saber de onde vem, qual o impacto no meio ambiente e na vida das pessoas que participam da cadeia de produção. Também reutilizamos água da chuva, temos painéis solares, fazemos compostagem das sobras dos nossos alimentos e em breve terei um digestor para transformar os alimentos que não entram na composteira em gás natural”, conta ele, que também tem um carro híbrido que o permite se locomover por propulsor elétrico. “Temos um carro híbrido. Vou ao trabalho e volto pra casa sem gastar uma gota de gasolina. Gasto 5 reais na conta de luz a cada recarga completa.”

Essa preocupação ambiental também guia sua carreira. Como ator, ele já aceitou papéis e declinou propostas de comerciais baseado em suas convicções. “Já deixei de ganhar dinheiro por não fazer comercial para grandes empresas poluidoras. Como ator, nunca precisei declinar nenhum papel por questões ambientais. Acho inclusive que os papéis servem para colocar as questões importantes de serem pensadas pelo espectador. Já aceitei papéis em projetos que faziam alerta socioambiental, por exemplo, como no curta-metragem Cadeia Alimentar”, relembra.

*Conteúdo “Revista Quem

Leia também



Multiservice - Fauston
Top Móveis_Crato Janeiro 2020

Enquete

Você acha que motoristas alcoolizados devem ser considerados criminosos?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...
© Copyright 2019 — Caririceara.com. Todos os direitos reservados