Morre o radialista cearense Narcélio Limaverde

Narcélio Limaverde era radialista, jornalista e escritor(foto: Divulgação)
Narcélio Limaverde era radialista, jornalista e escritor(foto: Divulgação)

O radialista e jornalista tinha 90 anos

Morreu, na manhã desta quarta-feira, 26, o radialista cearense Narcélio Limaverde, aos 90 anos. O jornalista, escritor e radialista estava internado em um hospital particular de Fortaleza com pneumonia. Com longa história no jornalismo, na história e na política cearense, Narcélio esteve entre os profissionais do Grupo O POVO de Comunicação.

Pioneiro da comunicação cearense, Narcélio iniciou a vida no jornalismo em 1954, trabalhando como radialista na Ceará Rádio Clube, logo virando assistente da direção comercial da rádio.

Ele ficou conhecido por seus ouvintes e admiradores como “O locutor dos brotinhos”. Em 1960, esteve presente na fundação da primeira emissora de televisão do Ceará, a TV Ceará, naquela época Canal 2, pertencente aos Diários Associados, sendo o primeiro apresentador de TV do Estado.

“Um memorialista admirável”

A esposa de Narcélio, Helenira Leite Limaverde, falou sobre o marido: “Um homem digno, ético, que sempre amou esta cidade e tanto lutou para vê-la mais justa, mais humana. Um memorialista admirável. Meu companheiro há 63 anos. Tô muito sofrida , coração triste mas agradecida por um tempo de convivência marcado de dores e alegrias e muito respeito e cumplicidade. Deus o abençoe, ilumine e proteja”, disse.

Pioneiro do jornalismo cearense, o jornalista ainda passou pela Rádio Dragão do Mar atuando como radialista e assistente do departamento artístico da emissora, trabalhou na Rádio Jornal do Comércio de Recife (PE). Teve uma passagem pelo Sistema Verdes Mares, como apresentador de notícias na rádio e na TV, tornando-se pouco tempo depois um de seus dirigentes.

Ainda teve passagem pela TV e Rádio Uirapuru, AM Cidade, Rádio Assunção Cearense e Rádio FM do Povo. Seu último trabalho foi na Rádio FM Assembleia, onde apresentava de segunda a sexta o Programa Narcélio Limaverde.

Políticos expressam luto e homenagens

Políticos cearenses já expressam homenagem e luto nas redes sociais. O vereador Acrísio Sena afirmou que “o céu chora chuvas de tristeza e alegria pro nosso sertão”. O parlamentar disse ainda que o luto será de todo o povo cearense: “Aprendi muito com ele sobre política, música e a nossa Fortaleza antiga. Descanse em paz!”.

O ex-prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, também lamentou a morte do jornalista: “O jornalista e radialista Narcélio Limaverde ocupa um espaço de destaque na galeria dos grandes nomes da comunicação no nosso Estado e no País. Sua longeva presença no rádio e na TV é um capítulo especial de quem abraçou com extremo carinho e ética a função de bem informar e zelar pela defesa dos verdadeiros interesses da nossa população”, destacou em nota.

A Assembleia Legislativa do Estado do Ceará também manifestou-se: “Além de uma trajetória de sucesso em diversos veículos de comunicação do Estado, Narcélio Limaverde foi deputado estadual, sendo o parlamentar mais votado em 1986. Durante seu mandato, teve a oportunidade de contribuir para a elaboração da Constituição Estadual de 1989. O Parlamento Estadual lamenta esta perda inestimável para a comunicação cearense e manifesta condolências aos amigos e familiares em nome da esposa Helenira Leite e dos filhos Sérgio, Adriana, Vládia e Narcélio Filho.”, dizia a nota.

*Conteúdo “O Povo”

Leia também



PATOM
WhatsApp Image 2022-07-28 at 08.57.10

Enquete