Morre Plácido Cidade Nuvens, aos 73 anos de idade

Morre Plácido Cidade Nuvens, aos 73 anos de idade

O professor e ex-reitor da Universidade Regional do Cariri (URCA), Plácido Cidade Nuvens, morreu na manhã desta terça-feira, 1º de novembro, aos 73 anos de idade. Ele estava internado no Instituto do Câncer do Ceará, em Fortaleza, lutando contra câncer de rins.

Devido a sua morte, o reitor da Universidade, professor Patrício Melo, baixou portaria suspendendo todas as atividades letivas e administrativas durante esta terça. Em sua página do seu facebook, o governador do Estado, Camilo Santana (PT), lamentou a notícia e disse que Plácido Nuvens prestou relevantes serviços ao Estado.

Mini-Biografia
Plácido Cidade Nuvens nasceu em 1943 na cidade de Santana do Cariri. Após concluir o Ensino Médio no Seminário São José, no Crato, mudou-se para Fortaleza, onde concluiu o curso em Licenciatura Plena em Filosofia. Sua preparação rendeu-lhe uma bolsa de estudos na Universidade Gregoriana em Roma, onde estudou Teologia e Sociologia. Em Roma também obteve o título de doutor em Ciências Sociais.

No retorno ao Brasil, desenvolveu trabalhos de promoção humana da Fundação Padre Ibiapina, braço social da Diocese do Crato. Obteve, ainda, títulos de especialista em português superior pela Universidade de Lisboa, e de doutor em ciências sociais pela Pontifícia Universidade Santo Tomás de Aquino.

De 1983 a 1989 foi prefeito de Santana do Cariri, onde fundou o Museu de Paleontologia de Santana do Cariri, posteriormente doado à Universidade Regional do Cariri. A criação do museu lhe rendeu diversas homenagens, como o Troféu Sereia de Ouro do Sistema Verdes Mares e o nome de uma espécie de dinossauro descoberta na chapada do Araripe, o Santanaraptor placidus.

Plácido Nuvens foi coordenador do curso de Direito e vice-reitor entre os anos de 1996 e 2003. Entre 2007 e 2011, exerceu o cargo de reitor da URCA.
Blog Diário Cariri

Leia também



PATOM
WhatsApp Image 2022-06-20 at 16.09.29

Enquete