Motorista causador do acidente no distrito de Dom Quintino, em Crato é conduzido à delegacia pela equipe do RAIO

Acidente deixou pelo menos três mortos e cinco feridos.  Condutor do caminhão  para se proteger de eventual agressão saiu do local, e solicitou a um popular para avisar a polícia onde ele estava, pois o mesmo  queria se entregar.

DA AGÊNCIA CARIRICEARA
Jota Lopes 

Um caminhoneiro, de 47 anos, residente em Limoeiro do Norte-CE, foi conduzido a Delegacia Regional de Polícia Civil do Crato por se envolver em uma colisão envolvendo vários veículos na CE 386, no distrito de Dom Quintino em Crato no início da noite desta sexta-feira (17). O acidente deixou pelo menos três mortos e cinco feridos.

De acordo com a Polícia Militar, o caminhoneiro, Erismar Santos da Costa dirigia um Caminhão Volkswagen, tipo baú, de cor branca e placas NQO-5B73 pelo trecho da rodovia estadual denominado de Rua do Comércio, em Dom Quintino sentido Farias Brito / Crato quando o veiculo ficou desgovernado após uma falha nos freios e atingiu vários carros, motos e pessoas que estavam em frente ao numeral 103.

Faleceram no local, Gilderlania Correia de Araújo, de 31 anos que morava na  Rua  Maria Amélia, Distrito de Dom Quintino;  Celso Augusto Ferreira Silva, 54 anos, que morava na Rua Treze de Maio, em Farias Brito; e  Kleber Alves Taveira, de 30 anos que morava no Sítio Mundo Novo, em Várzea Alegre. Foram socorridos e levados para o Hospital São Camilo do Crato,  Maria Charlene Rodrigues, de 38 anos  residente na Rua Dom Pedro II no Centro de Crato; Maria Valdênia de Sales Sousa Rolim, de 55 anos moradora da Rua João Paulo II, Centro de Crato; Evaldo Alexandre da Silva que mora no  Sítio Faustino, Dom Quintino; e Alisson da Silva Lima, de  18 anos, que reside no Sítio Lagoinha, distrito de Ponta da Serra. Já para Gilberto Ferreira da Cunha Junior, de 55 anos, residente na Rua do Comércio

SAIBA MAIS:

De acordo com a Polícia,  o condutor do caminhão se refugiou num imóvel naquele distrito, perto de onde aconteceu  o acidente para se proteger de eventual agressão, e solicitou a um popular para avisar ao policiamento que atendeu a ocorrência onde ele estava, pois o mesmo  queria se entregar de forma espontânea. De imediato a policia militar, através da equipe RAIO 03 -IRSO se deslocou ao endereço onde abordou o homem e conduziu o mesmo para a Delegacia Regional de Polícia Civil do Crato para procedimentos cabíveis.

Na 19ª DRPC, Erismar Santos foi apresentado do delegado plantonista, Dr. Denis Leonardo Ferraz da Silva. O caminhoneiro foi encaminhado a PRE para ser submetido ao  Exame do bafômetro  que nada constatou, dando negativo o resultado. Por fim, em cumprimento a determinação legal, haja vista que Erismar Santos não fugiu, pois se entregou a polícia no próprio local  do acidente, ele foi liberado dentro da lei pela autoridade policial. A Polícia Civil segue com a investigação para apurar as causas do acidente.

Reprodução autorizada mediante citação da Agência Caririceara

Leia também



PATOM
WhatsApp Image 2022-07-28 at 08.57.10

Enquete