MP libera e Crato pode voltar a jogar no Mirandão após quase 30 meses

Desde o dia 15 de fevereiro de 2014, o Crato não joga uma partida oficial no seu estádio. Nesta quarta-feira, o Ministério Público, através do Núcleo do Desporto e Defesa do Torcedor, aprovou os laudos de segurança e higiene do Mirandão e o liberou para jogos oficiais. A FCF já foi comunicada e marcou os jogos contra o Guarani de Juazeiro (21 de agosto) e Icasa (11 de setembro) para a casa do Azulão da Princesa na Taça Fares Lopes.

O Mirandão ficou por quase 30 meses com laudos pendentes e foi utilizado nesse período em apenas um jogo, este ano, mas sem a possibilidade da entrada da torcida cratense (Crato 1×4 Ferroviário, Série B Cearense, portões fechados). Sem poder jogar em sua cidade, o clube foi obrigado a procurar estádios em outras localidades como Juazeiro do Norte, Barbalha e até Iguatu.

O estádio Virgílio Távora, o Mirandão, foi fundado no dia 09 de maio de 1982 com o jogo amistoso entre Bangu/RJ 2×1 Ceará. O meia Djalma é o maior artilheiro do estádio, com 24 gols anotados.
Com informações do Blog do Fabiano Rodrigues

Leia também



Multiservice - Fauston
Top Móveis_Crato Janeiro 2020

Enquete

Você acha que motoristas alcoolizados devem ser considerados criminosos?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...
© Copyright 2019 — Caririceara.com. Todos os direitos reservados