Mulher é estuprada no centro do Crato. Foi o terceiro caso de violência sexual contra mulher ocorrido num período de quatro dias na cidade.

Mais um de crime de violência sexual contra mulher foi registrado na cidade do Crato. Nesta quarta-feira, dia 03. Por volta das 10h00min policiais do ronda foram acionados para comparecerem ao Hospital São Francisco onde uma mulher de 30 anos de idade de iniciais G. R. DE S. B havia dado entrada no setor de emergência vitima de estupro. Os militares tomaram conhecimento através da vítima de que a mesma havia sido raptada na Avenida Jose Alves Figueiredo, imediações do canal próximo a prefeitura por um homem não identificado trajando camisa preta e short que dirigia um em um carro preto modelo Pálio 04 portas de placas não anotadas sendo levada a um matagal por trás do colégio 18 de Maio, no centro da cidade onde foi obrigada a manter relações sexuais a força com o desconhecido que em seguida fugir seguindo destino ignorado.

A mulher foi orientada  junto com seus familiares  pelos militares a comparecerem a Delegacia de Policia Civil para registrar um Boletim de Ocorrência. Diligencias foram efetuadas pela PM em torno do Fato, mas sem êxito em prender o acusado.

Este foi o terceiro caso de abuso sexual contra mulheres registrados em Crato num período de  quatro dias. Na manhã de sábado (30) no Bairro Seminário, o preso da justiça do regime semiaberto Rodrigo Mendes de Morais, 29 anos, vulgo "filho da Paulista" foi conduzido a 19ª DRPC acusado de estuprar uma dona de casa de 54 anos, enquanto a vítima aguardava atendimento em um pequeno bar de propriedade da genitora do Autuado.

Já por volta das 22h30min,  também do sábado uma mulher de 25 anos de idade de iniciais M. G. C., foi violentada sexualmente na Rodovia Pinto Madeira. Ela disse a policia que trafegava em seu automóvel pela Avenida Duque de Caxias, quando um homem de pele clara, magro, de barba e vestindo camisa bege, emparelhou uma moto ao seu veículo e sem mostrar arma fez ameaça contra a vida do filho da mesma de um ano de idade, caso esta não entregasse seus pertences.

A vítima afirmou ainda que após entregar ao infrator uma pulseira, um relógio e um celular, o delinquente exigiu que a mesma lhe entregasse dinheiro, momento em que a obrigou a conduzir o veículo até a Rodovia Pinto Madeira e ordenou a destravar as portas do carro para em seguida, cometer o estupro e depois  do ato, o indivíduo deixou a chave do carro no meio da rua e seguiu em direção ao bairro Vila Lobo. 

A vítima foi socorrida para atendimento médico no Hospital São Francisco.  Diligencias foram realizadas em torno do fato, pelas viaturas de serviços da policia cratense, mas sem êxito em identificar e prender o acusado.

Foto ilustrativa

 Por: Redação/Agência Caririceara.com

Todos direitos reservados a Caririceara.com. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização sob pena, de punição de acordo a Lei dos Direitos Autorais.

Leia também



Multiservice - Fauston
Top Móveis_Crato Janeiro 2020

Enquete

Você acha que motoristas alcoolizados devem ser considerados criminosos?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...
© Copyright 2019 — Caririceara.com. Todos os direitos reservados