Mulher investigada por tráfico de drogas e organização criminosa é presa pela Polícia Civil, em Juazeiro do Norte

DA AGÊNCIA CARIRICEARA Redação – Foto: Redes sociais Uma mulher de nome Dasdores Rosilene Alves dos Santos, mais conhecida por “Rose” foi presa na tarde de quarta-feira (11), por Policiais do Núcleo de Combate ao Tráfico de drogas da Delegacia Regional de Juazeiro do Norte em cumprimento a mandado de prisão preventiva expedido pelo juízo da Vara de Delitos de Organização Criminosa. Investigações apontaram para efetiva participação de Rosilene no tráfico de drogas na região do Cariri e também na organização criminosa capitaneada por seu companheiro. A prisão é decorrente de diligências realizadas no dia 12 de julho de 2019, ocasião em que foram apreendidom aproximadamente 8KG de entorpecentes-cocaína e crack, em imóvel localizado no bairro Jardim Gonzaga de propriedade de “Rose”. De acordo com levantamentos policiais, Rosilene é companheira de Cosmo Machado de Oliveira, vulgo “Alemão”, preso no mês de abril do corrente ano pela Polícia Civil por associação e tráfico de drogas, sendo apontada como responsável pela logística na remessa de droga de Fortaleza para região do Cariri. A acusada ainda responde ação penal por tráfico de drogas no ano de 2009, quando fora presa, juntamente com Alemão pela Polícia Federal, bem como a Inquérito Policial por lavagem de dinheiro após apreensão de 100 mil reais em espécie no mês de dezembro de 2018. Além do mandado de prisão, também foi efetuado sequestro de veículo utilizado pela investigada na dinâmica do crime, sendo um automóvel modelo HB20 cor Prata. As investigações continuam para identificar outros potenciais participantes da organização criminosa. A presa foi recolhida à Cadeia pública feminina do Crato e permanece à disposição da Justiça. A Polícia Civil ressalta seu compromisso com a sociedade e solicita que cidadãos contribuam com a segurança pública por meio de denúncias de crimes ou autores de delitos ligando ou encaminhando mensagens através do número 88 99997.7275 (WhatsApp), assegurado o sigilo da fonte. A republicação é gratuita desde que citada a fonte.