Mulher residente em Juazeiro do Norte morre no HRC 9 dias após sofrer acidente em Iguatu

Criança de 02 anos dá entrada no HRC em estado grave lesionada  bala na cidade do Crato. Foto_Caririceara.com

O acidente aconteceu na última quarta feira, dia 21 na CE 060 no trecho que liga Iguatu a Acopiara no primeiro municipio.

DA AGÊNCIA CARIRICEARA
Redação – Foto: Arquivo/ Caririceara.com

Uma mulher de 28 anos morreu nesta sexta-feira (30), em um dos leitos do Hospital Regional do Cariri, em consequência de uma colisão entre veículos. A comerciante  Maria Ivonety da Silva,  que residia na Rua José Henrique Brasileiro, 972, bairro Tiradentes, em Juazeiro do Norte foi uma das vítimas de um acidente ocorrido por volta das 23h30min da quarta-feira (21) deste mês de agosto no trecho da CE 060 que liga Iguatu a Acopiara, no primeiro municipio.

Ela estava como passageira de uma camionete modelo Chevrolet S10, cor branca de placa OEW-1723 dirigido por Alexandre Januário Neto, 38 de idade. No carro além de Maria Ivonety e do condutor também viajavam, o vendedor José Vieira da Silva, a criança de nome Yuri de Oliveira Silva, 12 anos, e o aposentado José Vieira da Silva, 80 anos, todos residentes em Juazeiro do Norte quando ao chegarem nas proximidades do estabelecimento Régis Motel aconteceu a colisão com outra camionete, esta modelo Ford Ranger de placa HWI 7095, tendo como condutor o técnico de centrais de ar-condicionado, José Batista Romão, 53 anos, residente na rua 27 de Novembro, 622, bairro Prado, em Iguatu que estava acompanhado da pessoa de Natanael de Oliveira da Silva, 28 anos de idade, residente na rua Governador Plácido Castelo, bairro Vila Centenário.

Naquela ocasião as vítimas foram socorridas pelas ambulâncias do SAMU e Corpo de Bombeiro para Hospital Regional de Iguatu, em seguida Maria Ivonety foi encaminhada ao HRC em Juazeiro do Norte, vindo na manhã de hoje seu quadro clínico se agravar e ela falecer nove depois do acidente. A perícia forense foi comunicada do óbito e deslocou a equipe do rabecão que recolheu o corpo para necropsia na sede do órgão e posterior liberação para sepultamento.

A republicação é gratuita desde que citada a fonte.

Leia também



PATOM

Enquete