Na pressão presidente da câmara do Crato vai a Brasília pedir socorro e tenta desviar o foco para a construção de uma nova sede.

Florisval Coriolano é eleito presidente da Câmara Municipal do Crato Foto Jota lopes Agência Caririceara.com

Após grande destaque nos noticiários da região do Cariri devido às suspeitas de irregularidades na sua gestão, o presidente da Câmara Municipal do Crato Florisval Coriolano ventila que está planejando construir uma nova sede. Ele disse ainda que já juntou R$ 350 mil durante os últimos meses.

Em entrevista ele disse que está economizando para comprar o terreno e dar inicio a construção da nova sede. Ele anunciou via imprensa a redução de 15 cargos comissionados para economizar e assim construir futuramente a nova sede. A Mesa Diretora encaminha Projeto de Lei que reduz 15 cargos.

Segundo fonte ligada a Florisval Coriolano disse que o engraçado é que ele estava com projeto para dar entrada aumentando os cargos comissionados e devido a denuncias foi contido e orientado por outros vereadores a recuar.

Ele disse ao blog do Jornalista Flavio Pinto:

“Tem cargos que não são preenchidos ou não tem a função que a Câmara tanto deseja e nós estamos dando entrada hoje para serem diminuídos. Ficaremos com aqueles cargos que realmente a Câmara precisa”, explica o presidente.

Agora?

Se ninguém diz nada ele reduziria?

Ele, Florisval Coriolano viajou.

Para onde?

Segundo fonte da referida casa legislativa, ele deverá ir a Brasília pedir socorro aos caciques, pois está amedrontado e viu que o Ministério Público não está para brincadeira. Ele está recorrendo às forças ocultas, aquelas da lava jato e pode ter a porta batida na cara porque a maioria lá em Brasília, só pensam nas delações e nos conchavos. O presidente, o daqui, não o Temer de lá, o Presidente, o daqui, da Câmara Municipal do Crato, teme e corre sérios riscos de nadar, nadar e morrer na praia curtindo sua solidão, pois muitos dos vereadores da casa já não confiam mais em suas ações.

fabiolemosje.blogspot.com.br

Leia também



PATOM

Enquete