ONU pede que se permita acesso de mais comboios de ajuda à Síria

Agência AFP

O secretário-geral da ONU, António Guterres, pediu nesta terça-feira (6) que se permita o ingresso na Síria de mais comboios humanitários, um dia depois de ataques aéreos terem interrompido o fornecimento de comida e remédios na Ghuta Oriental.

Guterres exortou todas as partes beligerantes a deixar que caminhões de ajuda voltem na quinta-feira à cidade de Duma, na Ghuta Oriental, para completar a entrega humanitária, “como previamente havia sido acordado com as autoridades sírias”, destacou uma declaração da ONU.

A continuação dos ataques aéreos e de artilharia levou na segunda-feira os trabalhadores humanitários a decidirem se retirar da Ghuta Oriental após terem descarregado 32 dos 46 caminhões do comboio.

Quase a metade da comida não pôde ser entregue e parte dos remédios e dos insumos sanitários foram tirados dos caminhões pelas autoridades sírias, informou a ONU.

Guterres chamou “todas as partes a autorizar de imediato o acesso seguro e sem obstáculos de mais comboios de distribuição de alimentos a centenas de milhares de pessoas que precisam deles desesperadamente”, destacou a declaração.

O chamado do secretário-geral da ONU ocorreu antes da celebração de uma reunião do Conselho de Segurança, convocada pela Grã-Bretanha e pela França para discutir a necessidade de um cessar-fogo, dias depois de as Nações Unidas exigirem uma trégua nos combates.

Apoiado pela Rússia, aliada da Síria, o Conselho aprovou por unanimidade em 24 de fevereiro uma resolução exigindo a suspensão das hostilidades por 30 dias para permitir a entrega de ajuda humanitária e a evacuação e doentes e feridos.

Ataques aéreos e fogo da artilharia e de foguetes no enclave rebelde próximo a Damasco deixaram centenas de mortos e provocaram a devastação das áreas residenciais desde 18 de fevereiro.

O Observatório Sírio dos Direitos Humanos, uma associação baseada em Londres, sustentou que 800 civis – entre os quais 177 crianças – morreram como consequência dos ataques das forças sírias apoiadas pela Rússia.

Leia também



Multiservice - Fauston
Top Móveis_Crato Janeiro 2020

Enquete

Você acha que motoristas alcoolizados devem ser considerados criminosos?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...
© Copyright 2019 — Caririceara.com. Todos os direitos reservados