Pedro Bezerra considera deixar partido caso seja destituído da presidência do PTB no Ceará

Deputado federal cearense alega ter sofrido censura na atividade parlamentar após o presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson (RJ), avaliar sua retirada do cargo devido voto favorável a prisão do deputado Daniel Silveira (PSL-RJ). Foto: Reprodução: Câmara dos Deputados

Após sinalização de destituição da presidência do PTB no Ceará, o deputado federal Pedro Bezerra afirmou ontem não descartar a possibilidade de sair do partido caso a medida seja tomada.

Nessa sexta-feira, 19, o presidente nacional da sigla, ex-deputado Roberto Jefferson, anunciou que deve tomar a decisão após o correligionário cearense ter votado favorável à prisão do deputado Daniel Silveira (PSL-RJ).

“Tomei conhecimento pelas redes sociais, não recebi nenhuma mensagem. Ficou claro que não tenho o perfil de parlamentar que ele quer dentro do partido. Se isso se efetivar (destituição), eu não vou excluir a possibilidade de sair”, avalia Pedro.

O dirigente estadual do partido afirma que ainda não foi comunicado diretamente por Jefferson da possível destituição.

Em tom crítico ao presidente nacional da legenda, o petebista alega ter sofrido censura ao ser impedido de “exercer a livre atividade parlamentar”. “Ele briga com todos para garantir a liberdade do rapaz (Daniel Silveira) e me pune por exercer a minha opinião”, destaca o deputado.

*Conteúdo Jornal “O Povo

Leia também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Multiservice - Fauston
Top Móveis_Crato Janeiro 2020

Enquete

Qual sua avaliação das ações do governo do presidente Jair Bolsonaro?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...
© Copyright 2019 — Caririceara.com. Todos os direitos reservados
error: Conteúdo protegido!!