Polícia Civil do Cariri apreende mais de 42 quilos de drogas entre cocaína, crack e maconha

WhatsApp Image 2019-08-09 at 21.58.45

34.480 kg de maconha, 1.970 kg de cocaína e 6.176 kg de crack, totalizando 42 quilos, 626 gramas de entorpecentes foram apreendidos no compartimento de um ônibus da empresa Guanabara que seguia  da região do Cariri com destino Fortaleza/CE

DA AGÊNCIA CARIRICEARA
Redação – Fotos e vídeo: Redes sociais

A Polícia Civil do Cariri através do Núcleo de Combate ao Tráfico de Drogas da Delegacia Regional de Polícia Civil de Juazeiro do Norte/CE, apreendeu na noite desta sexta-feira (09), mais de 42 KG (quarenta e dois quilos) de entorpecentes em Missão Velha/CE.

A ação policial aconteceu após denúncias de que uma pessoa estaria transportando entorpecentes da região do Cariri com destino a de Fortaleza/CE, utilizando-se da uma empresa de transporte intermunicipal Guanabara. De posse das informações, policiais civis conseguiram interceptar o coletivo na cidade de Missão Velha/CE e apreender no compartimento interno do ônibus, 34.480 kg (trinta e quatro quilos, quatrocentos e oitenta gramas) de maconha, 1.970 kg (um quilo, novecentos e setenta gramas) de cocaína e 6.176 kg (seis quilos, cento e setenta e seis gramas) de crack, totalizando 42Kilos 626 gramas (Quarenta e dois quilos, seiscentos e vinte e seis gramas) de entorpecentes. O trabalho agora consistirá na identificação e responsabilização dos responsáveis pelo recebimento do entorpecente na capital do estado.
Assista ao vídeo;
De acordo com informações colhidas junto a 20ª DRPC de Juazeiro do Norte, somente nestes nove primeiros dias do mês de agosto/2019 a Polícia Civil juazeirense já apreendeu quase 50 kg (cinquenta quilos) de drogas, contribuindo assim para uma sociedade mais segura e saudável, uma vez que a disseminação descontrolada das substâncias ilícitas já é considerado um “chaga social”, além de fomentar a prática de diversos outros crimes, como homicídio, roubo e furto.

A Polícia Civil ressalta seu compromisso com a sociedade e solicita que cidadãos contribuam com a segurança pública por meio de denúncias de crimes ou autores de delitos ligando ou encaminhando mensagens através do número 88 99997.7275 (WhatsApp), assegurado o sigilo da fonte.

A republicação é gratuita desde que citada a fonte.

Leia também



PATOM

Enquete