Polícia Civil investiga as circunstâncias do assassinato da grávida morta a facadas e possivelmente estuprada em Juazeiro do Norte

Delegacia Polícia Civil JN_Foto_Jota Lopes_AG. Caririceara (1)

O crime aconteceu na presença de um filho da vítima de 05 anos de idade que é acometido de autismo. A mulher  foi encontrada por familiares nua, amarrada e assassinada a facadas no interior da casa onde morava na Rua Engenheiro José Onofre Marques, 871, conjunto Cidade de Deus, Bairro São José, em Juazeiro do Norte

DA AGÊNCIA CARIRICEARA
Jota Lopes – Foto: Arquivo/ Caririceara.com

A Polícia Civil de Juazeiro do Norte está investigando as circunstâncias do assassinato da mulher de nome Sheila Cristina Lima Lins, 34 anos, grávida de cinco meses, crime ocorrido neste domingo, dia 05/01/2020, no interior da residência da mesma localizada na Rua Engenheiro José Onofre Marques, 871, conjunto Cidade de Deus, bairro São José, cuja autoria até o momento ainda é desconhecida.

Sheila Cristina Lima Lins, 34 anos grávida de cinco meses, encontrada na tarde deste domingo (05), amarrada e assassinada a facadas com o corpo despido no interior da casa, em Juazeiro do Norte. Foto Redes sociais
Sheila Cristina Lima Lins, 34 anos grávida de cinco meses, encontrada na tarde deste domingo (05), amarrada e assassinada a facadas com o corpo despido no interior da casa, em Juazeiro do Norte. Foto Redes sociais

Segundo levantamentos iniciais realizados por equipe plantonista da Delegacia Regional de Polícia Civil do município, o corpo da vítima foi encontrado por familiares desta, no interior de um dos quartos da aludida residência, por volta das 13h00min de ontem, despido com sinais de violência, possivelmente por arma branca, e com um dos braços envolto em um cabo de carregador de telefone celular. Ainda de acordo com as informações apuradas e repassadas pela Polícia Civil, a vítima residia com uma criança, seu filho, que possivelmente presenciou o crime.

Na mesma data do registro do fato o Delegado de Polícia Civil plantonista na 20ª DRPC realizou inquirições de testemunhas já arroladas acerca do delito ora investigado.

SAIBA MAIS. 

Quaisquer informações sobre o caso ligar para o 190 (CIOPS – Grupo de Despacho da Polícia Civil), para o telefone 88-3102-1102 (DDM de Juazeiro do Norte – falar com equipe do Núcleo de Homicídios e Proteção à Pessoa) ou encaminhar, via WhatsApp Denúncia 85-98828-9662, mensagens de texto, áudio, fotografia ou vídeo, com a garantia do mais absoluto sigilo da fonte!

A republicação é gratuita desde que citada a fonte.

Leia também



PATOM

Enquete