Polícia Civil prende dupla envolvida em crimes de tráfico de drogas e tentativa de homicídio 

Os crimes foram registrados nas cidades de Aurora e Senador Pompeu. capturas ocorreram, nesta segunda-feira (13), por força de mandados de prisão nas cidades de Brejo Santo, no Ceará, e Marabá, no Pará. Duas ações distintas realizadas pela Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE) culminaram na captura de uma dupla envolvida em crimes de tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e tentativa de homicídio nas cidades de Aurora na região do Cariri  e Senador Pompeu no Sertão Central cearense. As capturas ocorreram, nesta segunda-feira (13), por força de mandados de prisão nas cidades de Brejo Santo, no Ceará, e Marabá, no Pará. Conforme levantamentos policiais realizados pela Delegacia de São João do Jaguaribe, tráfico de Maria Liduina Rodrigues da Silva Canuto, de 21 anos, já havia sido presa em flagrante em posse de 995 gramas de maconha, 2732 pinos de cocaína, um revólver calibre 38 e 16 munições, em 2019, na cidade de Senador Pompeu. Ainda de acordo com as apurações, Liduina estava respondendo o processo em liberdade e, após sua condenação definitiva, fugiu para outro estado. A mulher havia sido condenada a nove anos e seis meses em regime fechado. Após trocas de informações entre as inteligências das Polícias civis dos dois estados, Liduina, que é natural de Senador Pompeu/CE, foi localizada, na manhã de hoje (13), em um imóvel na cidade de Marabá, no Pará. Após ser capturada, a mulher foi conduzida para uma unidade policial do local, onde o mandado judicial foi cumprido. Agora, tratativas estão sendo realizadas para o recambiamento de Liduina para o Ceará. Outras prisões Ainda nesta segunda-feira (13), a PC-CE, por meio da Delegacia Municipal de Aurora, cumpriu um mandado de prisão preventiva em desfavor de um homem de 22 anos, em Brejo Santo. O homem é investigado por crime de tentativa de homicídio. As investigações apontam que o suspeito, que é natural da cidade de Barro, no Ceará, desferiu golpes com um objeto perfurocortante em um outro indivíduo, após uma discussão. A vítima foi socorrida por populares para uma unidade hospitalar. O crime foi registrado em setembro de 2022, em Sítio Bálsamos. O suspeito, que estava com uma ordem judicial em aberto, foi localizado e preso. Agora, ele encontra-se à disposição da Justiça.