Presos fazem rebelião PIRC em Juazeiro do Norte.

Presos fazem rebelião PIRC em Juazeiro do Norte.   (1)

Redação/Agência Caririceara.com
Fotos: Vc/Repórter/WhatsApp

Detentos da Penitenciária Industrial e Regional do Cariri (PIRC), em Juazeiro do Norte, se rebelaram na noite deste sábado (26). De acordo informações, internos da vivência 1 se dirigiram a 6, onde estariam seus desafetos no intuito de causarem uma briga generalizada. Entretanto, os mesmos não lograram êxito na tentativa de invadir o local, queimando vários colchões em forma de protesto.

Presos fazem rebelião PIRC em Juazeiro do Norte. (2)A guarnição militar do presídio com reforço de Policiais da Força Tática de Apoio conseguiram conter o motim e evitar fugas. Além da polícia militar, o corpo de bombeiros também esteve no local controlando o fogo provocado pelos internos.

Coordenador da COSIPE regional Wanderson Pereira encaminhou a imprensa regional a seguinte nota:

Informo que no início desta noite de sábado ocorreu um princípio de rebelião na PIRC, em Juazeiro do Norte, digo princípio, pois a doutrina relata que rebelião é quando toda uma unidade prisional encontra-se fora do domínio das forcas do Estado, o que não foi o nosso caso.

Em nosso caso apenas as vivência 1 e 6, de um total de 10 vivências, entraram em ato de subversão da ordem, tocando fogo em colchões e destruindo as grades das celas, bem como atirando pedras contra nossa composição, a fim de impedir o acesso que dava para vivência onde um túnel foi descoberto pelos nossos Agentes Penitenciários.

Túnel este que ja estava proximo da muralha, e haviam 7 internos no interior dele. E cerca de 20 fora dele auxiliando as escavações.

Maioria dos internos dessas vivências são oriundos da comarca de Iguatu, que está com sua unidade prisional interditada.

Foram necessários utilização de disparos com munição não letal para contê-los efetuados por composições do RAIO COTAR e BPGEP.

Além disso, 20 Agentes Penitenciários da Extra remuneradas foram convocados para reforçar o perímetro penitenciário.

Apenas um interno foi identificado com lesões de natureza leve, em decorrência de toda ação.

A vivência possuía 120 internos, e momento toda a unidade encontra-se calma.

Foram transferidos 60 internos, 30 para Cadeia Nova de Juazeiro do Norte e 30 para a Cadeia do Crato até que restauremos os danos causado na estrutura daquelas vivências.

Infelizmente como o Sistema Prisional da Região não possui viaturas, tive que seguir até a pista frente ao Cariri Gardem shopping e requisitar administrativamente um ônibus coletivo que passava pela via. Conforme preceitua a constituição.

Felizmente conseguimos evitar uma fuga em massa na PIRC, essa que entraria para os nossos anais como sendo a sua primeira grande crise.

Respeitosamente,

Wanderson Pereira

 

Leia também



PATOM
IMG-20220706-WA0003

Enquete