Quixadá vai receber Raio e delegacia 24 horas após morte de três PMs

Russas e Quixadá vão contar com BPRaio na segunda quinzena de julho.
Municípios também vão contar com delegacias 24 horas.

Os município de Russas e Quixadá vão passar a contar com  Batalhão de Rondas de Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio) na segunda quinzena de julho. Os policiais vão atuar em ações e operações de patrulhamento tático urbano, escolta de pessoas e valores, além de apoio a grandes eventos artísticos, culturais e esportivos.

O anúncio foi feito nesta quarta-feira (7) pelo governador do Ceará, Camilo Santana, uma semana após o confronto e tiroteio que resultou na morte de três policiais militares. O objetivo, segundo o governador é acelerar os investimento em segurança pública no interior do estado.

“Dia 16 [de julho] vamos implementar o Raio em Russas e no dia 23, em Quixadá. Nós vamos também implementar uma ação importantíssima para a segurança pública que são as delegacias 24 horas. Vamos ter delegacias 24 em Quixadá já agora em agosto, também vamos ter delegacia 24 horas em Crateús e Iguatu. E o que isso ajuda na segurança? Ajuda que quando a polícia faz uma ocorrência e leva para a delegacia tem que percorrer 100, 200 quilômetros para [chegar a] uma delegacia que está aberta de madrugada”, explica o governador.

As ações do Governo do Estado fazem parte do projeto de interiorização do BPRaio. Para atuar nessas cidades, os policiais militares passaram por Curso de Especialização em Policiamento com Motocicletas, de 328 horas/ aulas, na Academia Estadual de Segurança Pública do Ceará.

Dois presos no caso Quixadá
A polícia prendeu dois suspeitos de participação no confronto que resultou na morte na morte dos três policiais militares em Quixadá. Um terceiro suspeito de envolvimento no crime morreu em um novo confronto com policiais, nesta segunda-feira (5).

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social, desde a data do crime os policiais civis e militares participam de uma força-tarefa para tentar localizar e prender os autores do crime.

De acordo com a SSPDS, José Adailson tomou um ônibus escolar em um distrito de Itapiúna, levando junto o motorista do veículo, que foi liberado posteriormente. O transporte foi utilizado para auxiliar na fuga dos criminosos após o confronto com os PMs. Nesta segunda, ele morreu quando trocou tiros com policiais que iriam efetuar a prisão.

Outros dois suspeitos, identificados como Antônio e Dimas, foram conduzidos à delegacia. De acordo com as investigações, a dupla presa dava apoio ao bando do qual “U” era participante. Eles confessaram, em depoimento à Polícia Civil que guardavam armas a pedido do infrator morto.

Sobrevivente
Um quarto policial que atendeu à ocorrência e sobreviveu ao tiroteio relatou nesta terça ao G1 como escapou dos tiros. “Quando caí no chão baleado fechei os olhos e me fingi de morto, fiquei assim até não escutar mais nenhum barulho, pois meu medo era que eles voltassem para me matar”, disse.

O sargento Campos recebeu alta na tarde desta segunda-feira (5), após quatro dias internados no Instituto Doutor José Frota (IJF), em Fortaleza, onde passou por cirurgias devido aos tiros que levou no braço direito, nas pernas, sendo um tiro de fuzil na perna esquerda, e um de raspão nas costas, que foi amortecido pelo uso do colete que usava no momento da ação.

“Os médicos disseram que foi um milagre, pois o tiro de fuzil não atingiu o osso, nem a veia femoral, apenas a carne”, afirma. Ele foi recebido com alegria pela família e amigos

Ampliação do BPRaio
O programa de ampliação do BPRaio foi iniciado em julho de 2015, com a implantação do Batalhão de Policiamento de Rondas de Ações Intensivas e Ostensivas na cidade de Juazeiro do Norte, com 77 profissionais divididos em 12 equipes. A segunda região do interior a receber o programa foi Sobral , em outubro, com 53 profissionais, divididos em oito equipes.

A previsão é que até o final da implantação do programa, o Batalhão especializado no patrulhamento tático com motos esteja atuando nas cidades de Juazeiro do Norte, Sobral, Russas, Canindé, Crateús, Quixadá, Iguatu, Itapipoca e Tauá.

  •  

Policiais assassinados no Ceará em 2016 (Foto: Sebastião Mota/G1)

 

Leia também



Multiservice - Fauston
Top Móveis_Crato Janeiro 2020

Enquete

Qual sua avaliação das ações do governo do presidente Jair Bolsonaro?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...
© Copyright 2019 — Caririceara.com. Todos os direitos reservados