Secult Ceará realiza seminário para divulgar o conceito, programa e gestão do Centro Cultural Cariri

convite-1200x1200

A Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult Ceará) realiza, neste sábado (14), a partir das 9h, no Centro de Eventos do Cariri, Av. Padre Cícero, 4400 – Muriti, Crato, o primeiro seminário para apresentar o Centro Cultural do Cariri no contexto das políticas públicas da Secult Ceará. Será um momento para apresentar e debater junto à sociedade civil sobre o conceito, programa e gestão do mais novo equipamento de cultura do Cariri, no contexto das políticas culturais da Secretaria da Cultura. A atividade é organizada pelo próprio equipamento, com a mediação do Escritório Regional da Secult Ceará no Cariri. A entrada é aberta a todas as pessoas que queiram conhecer mais sobre o Centro Cultural do Cariri.

Com a presença do secretário da Cultura do Ceará, Fabiano Piúba, a programação reúne convidados que participaram da elaboração do projeto do Centro Cultural. O seminário segue até às 17h, também com um momento de apresentação do Centro Cultural do Cariri para a população. A ideia também é contextualizar o Centro Cultural junto à Rede Pública de Equipamentos Culturais da Secult Ceará e dos equipamentos culturais dos outros municípios do Cariri.

Também são objetivos do seminário apresentar o conceito de Ação Cultural do Centro Cultural do Cariri em sua dimensão sociocultural, estrutural, arquitetônica e urbanística, além de situar o programa de ações culturais visando a criação de laços e parcerias com a comunidade, incluindo a Rede Pública de Equipamentos Culturais da Secretaria da Cultura do Ceará e instituições culturais do estado.

O primeiro seminário de 2022 propõe difundir as ações culturais no âmbito das políticas culturais do estado com vistas à articulação, mobilização e conexão com o contexto territorial e com a cena artística e cultural da região, compreendendo os artistas, produtores, agentes, coletivos, grupos e instituições culturais do Cariri. Outra dimensão é a relação do equipamento com a candidatura da Chapada do Araripe como Patrimônio Dá Humanidade.

“O Centro Cultural do Cariri já nasce como um equipamento de vocação internacional, pois ele insere o Cariri em conexão com o mundo. Trata-se de uma instituição que reúne cultura e natureza, ciências e esportes em um mesmo espaço público. Um equipamento que será ambiente para as políticas de cultura, patrimônio cultural, fomento às artes, formação artística, cidadania e diversidade cultural. Um centro cultural parque onde predomina a riqueza cultural do Sertão do Cariri e a riqueza natural da Chapada do Araripe. Portanto, este seminário que estamos realizando será um espaço de diálogo, escuta, críticas e de sugestões acerca do conceito, programa e gestão, pensado o Centro Cultural do Cariri como um equipamento de pertencimento, expressão, identidade e tradução deste lugar e deste povo tão especial no Ceará, no Brasil e no mundo. Desejamos sair deste seminário com uma boa agenda de articulação e de trabalho para a programação e gestão do Centro Cultural do Cariri que traz em seu nome, Sérvulo Esmeraldo, artista filho desta terra ”, destaca Fabiano Piúba, secretário da Cultura do Estado do Ceará.

“A programação e ações culturais do Centro Cultural do Cariri procuram criar relações e atender à Comunidade, atuando em parceria com Instituições, Universidades, Secretarias, Associações, Movimentos Sociais e Comunitários, Organizações Sociais, entre outros”, destaca Rosely Nakagawa, gestora do Centro Cultural Cariri.

Mais sobre o Centro Cultural Cariri

A região sul do estado ganhou um importante espaço para as manifestações culturais, aliadas à convivência da população através de equipamentos de esporte e lazer. O Centro Cultural Cariri Sérvulo Esmeraldo, no Crato, possui 52 mil m², sendo 12 mil m² edificados e uma vasta área verde. Numa primeira etapa, foram inauguradas pelo Governo do Ceará uma areninha, pista de skate e brinquedopraça no dia 1º de abril de 2022. A área externa do Centro Cultural contará ainda com planetário, quadra de areia, palco, bosque e jardim. Na parte interna, as obras de edificação continuam. Lá, serão disponibilizados espaços expositivos, teatro, reserva técnica, biblioteca, salas de aula, laboratório fotográfico, estúdio de rádio, administração, salas de pesquisa e ações formativas, espaço multiuso, restaurante, café e loja.

O Centro, que leva o nome do artista cearense Sérvulo Esmeraldo, compõe a Rede Pública de Equipamentos Culturais da Secretaria da Cultura do Ceará, com gestão em parceria com o Instituto Mirante de Cultura e Arte. O projeto foi pensado para ser um lugar para agregar as comunidades da região e pesquisar as relações entre natureza e cultura.

Programação

Seminário Centro Cultural Cariri – Conceito, Programação e Gestão
09h – Café
10h – 11h30 – Mesas redondas, com mediação de Dane de Jade, gestora da Escritório Regional da Secult CE no Cariri
– O Centro Cultural do Cariri no contexto das políticas culturais do Ceará, com Fabiano dos Santos Piúba, Secretário da Cultura do Estado do Ceará
– Um centro cultural do Cariri para o mundo, com Tiago Santana
– Cultura e Natureza, ações culturais de aproximação, com Rosely Nakagawa
– A Arquitetura e a Comunidade, com Paula Geórgia Fernandes
– Prénascimento, com Luiz Santos e Carlos Henrique
– Esporte e Cultura, com Gabriel Montes
– Mediação: Dane de Jade
11h30 – 12h30: Debate
12h30 – 14h – Intervalo para Almoço
15h – 17h – Visita ao Centro Cultural Cariri com convidados

*Governo do Ceará

Leia também



WhatsApp Image 2022-05-24 at 16.20.44

Enquete