Sem dinheiro, presidente do Guarani de Juazeiro não sabe quando começa pré-temporada

Sem dinheiro, presidente do Guarani de Juazeiro não sabe quando começa pré-temporada

Conteúdo Blog do Fabiano Rodrigues
Foto: Divulgação

Um ano cheio, com quatro competições importantes e promessa de time forte. Tudo isso ainda é possível, mas continua na teoria. Na prática, o Guarani de Juazeiro ainda deve salários e premiação ao elenco da Taça Fares Lopes e não tem dinheiro para iniciar a pré-temporada. “Já tentamos de tudo, mas não temos dinheiro e não adianta ficar marcando data”, disse o presidente Mário Vidal, em entrevista coletiva concedida nesta segunda-feira.

Os jogadores que conquistaram a Fares Lopes, disputaram a final contra o Horizonte, no dia 22 de outubro, com os salários atrasados. Pelo título, a diretoria rubronegra prometeu uma premiação de 70 mil reais, que seria retirada da cota da Copa do Brasil. “Fomos na Federação (Cearense de Futebol) e tentamos antecipar nossas cotas (Copa do Brasil e Campeonato Cearense), mas nos disseram que só em janeiro”, justificou o presidente.

Mário Vidal destacou o trabalho que a diretoria está fazendo para conseguir os recursos. “Ninguém está parado não, tentamos empréstimos, estamos tentando tudo, mas nessa hora de dificuldades só aparece quem quer criticar, ajudar é difícil”, desabafou.

Para iniciar a pré-temporada, o dirigente calcula ser necessário pelo menos 100 mil reais. “Precisamos pagar o que estamos devendo pra poder começar um novo trabalho”, explicou o presidente, que não sabe quando os treinamentos serão iniciados.

Leia também



PATOM
WhatsApp Image 2022-06-20 at 16.09.29

Enquete