Suspeito de assalto é morto durante perseguição policial em Juazeiro do Norte; comparsa é baleado e preso

Militar de folga reage a tentativa de assalto e mata suspeito em Juazeiro do Norte (1)

Caso aconteceu na manhã desta quinta-feira (04) no bairro João Cabral.

DA AGÊNCIA CARIRICEARA
Jota Lopes – Foto: Redes sociais

Um homem foi morto a tiros na manhã desta quinta-feira (04) no João Cabral, em Juazeiro do Norte. Ele e um segundo suspeito estavam sendo perseguidos por volta das 11h40min por um policial militar com apoio de um agente da PEFOCE após tomarem de assalto, dois aparelhos de telefonia celular de duas adolescentes, uma de 14 e outra de 16 no Bairro Novo Juazeiro e seguiram em fuga rumo ao parque ecológico quando ao chegarem à Rua Perpétua Carneiro Cunha, a altura do numeral, 1113, Bairro João Cabral vieram a trocar tiros com o PM. O comparsa, foi baleado e preso.

Leandro de Lima Viera, 26 anos morreu minutos depois ter sido baleado.

O morto foi identificado como Leandro de Lima Viera, 26 anos que residia na Rua 31 de Março, 763, Bairro Triângulo. Já com o preso, trata-se de Rikatylo Jeferson Souza da mesma idade, com residência na Rua Nossa Senhora Aparecida, 184, João Cabral. A dupla trafegava numa motocicleta Suzuki j, modelo Yes 125, cor preta, ano 2008, de placas kJQ- 4552 que foi apreendida juntamente com dois revolveres calibre 32, um contendo seis munições deflagradas e outro com três picotadas é uma deflagrada, além dos dois celulares tomados de assalto e um outro também de procedência duvidosa que estavam em poder dos acusados.

O policiamento do Raio foi acionado para o local, onde o militar que fez a perseguição aos dois homens disse que ao verificar a suspeita dos indivíduos trafegando em alta velocidade, passou a segui-los, os quais ao perceberem que estavam sendo seguidos, passaram a efetuar disparos de arma de fogo na direção dele, que revidou a injusta agressão vindo a lesionar um dos acusados. Depois o PM entregou as armas que Leandro e Rikatylo portavam e disse que iria se apresentar na DP.

Os policiais do Raio solicitou a presença de uma equipe do Samu para prestar socorro aos lesionados, tendo Leandro não resistindo falecendo minutos depois. Os itens apreendidos, juntamente com o sobreveniente foram apresentados na 20ª DRPC ao delegado Juliano Macula para os devidos procedimentos.

Instantes depois, as duas menores de idade vítimas dos dois assaltos compareceram a delegacia e reconheceram Leandro e Rikatylo como autores dos roubos que foram vítimas, mais cedo. Após divulgação da ocorrência supracitada, um homem que que teve sua identificado preservada, também compareceu a delegacia de policia e afirmou reconhecer a dupla acusada como autora dos disparos de arma de fogo em foi vítima nesta quarta-feira, dia 03.

A republicação é gratuita desde que citada a fonte.

Leia também



PATOM

Enquete