Suspeito de homicídios e outros delitos em Campos Sales envolvido em tentativa de feminicídio em Juazeiro é preso a mando da justiça

Romário Soares da Silva _ JN15.06 (2) Foto Redes Sociais

Romário Soares da Silva já possui em seu desfavor 15 registros policiais, e 01 como vítima de tentativa de homicídio sofrida no dia 17 de novembro de 2016, em Campos Sales quando foi alvejado com 16 tiros de pistola 380.

DA AGÊNCIA CARIRICEARA
Redação – Foto: Redes sociais

A Polícia Militar prendeu na manhã deste sábado (15), em Juazeiro do Norte (CE) um homem de 29 anos de idade possuidor de extensa ficha criminal. A ação policial ocorreu por volta das 11h00min, em cumprimento à Mandado de Prisão Preventiva, expedido pela Comarca de Campos Sales-CE, datado de 04/06/2019, efetuada por policiais do 2ºBPM em conjunto com militares da 4ªCIA/2ºBPM,

O maranhense natural do município de Imperatriz tido como sendo de alta periculosidade, Romário Soares da Silva, residente na Travessa Alexandre Torres, 40, Bairro alto Alegre, em Campos Sales (CE)  é apontado como envolvido  numa tentativa de feminicídio ocorrida  por volta das 19 horas da segunda-feira, 22 de abril de 2019  no interior de uma Pousada que funciona na rua São José, 333, centro da cidade de Juazeiro do Norte.  A vítima, Maria do Socorro Lira, 27 anos sofreu três disparos de arma de fogo, um no peito, um no abdômen e um nas nádegas e foi socorrida por populares ao hospital regional do cariri onde foi submetida a intervenção cirúrgica e depois recebido alta médica.

Rodrigo Eduardo Alencar Santos, de 21 anos preso no sábado, dia 18 de maio de 2019, em Campos Sales acusado de atirar na ex-companheira, Maria do Socorro Lira, 27 anos. O crime aconteceu no interior de uma pousada no centro de Juazeiro do Norte (CE) – Foto: Arquivo/Caririceara.com

No dia crime, Maria do Socorro se negou a dizer para a polícia o nome do seu agressor, afirmando apenas que o acusado após cometer o ato delituoso, teria empreendido fuga para lugar ignorado. Entretanto, a ação criminosa foi registrada por câmeras de videomonitoramento do local o que possibilitou na identificação do atirador, como sendo o ex-companheiro da vitima,  o garçom  Rodrigo Eduardo Alencar Santos, de 21 anos de idade o qual no sábado, dia 18 de maio deste ano acabou preso na residência dele na rua  Alexandre Torres, 292, Bairro Alto, em Campos Sales em cumprimento a Mandado de Prisão da 1ª Vara Criminal da Comarca de Juazeiro do Norte-CE, datado de 17 de maio de 2019.

Acusado de participação na tentativa de feminicídio contra Maria do Socorro, Romário teve a sua prisão solicitada pela Polícia Civil, pedido atendido pela justiça e cumprida no dia de hoje. Segundo o registro policial, ele responde a três artigos 121 do código penal brasileiro, a dois 157;  dois 163, um 69 , outro artigo 14, além inquéritos por ter infringido a lei das contravenções penais, o estatuo do desarmamento, por  violência domésticas, e ainda responde a dois procedimentos por infração a lei de entorpecentes.

Em 17 de novembro de 2016, Romário sofreu uma tentativa de homicídio por disparos de arma de fogo por volta do meio-dia e dez minutos, nas imediações da casa onde mora no Bairro Alto Alegre na cidade de Campos Sales.  Naquele dia ele sofreu 16 tiros de pistola 380, três no tórax, dois na mão direita, três no joelho direito, um no braço esquerdo, uma perna esquerdo e mais seis na perna e braço direto, sendo em seguida socorrido pelo Samu ao hospital de Campos Sales, e posteriormente transferido para o Hospital Regional do Cariri, em Juazeiro passou por cirurgia e dias depois recebido alta médica.

A republicação é gratuita desde que citada a fonte.

Leia também



PATOM

Enquete