Teleférico de Barbalha tem sua primeira torre montada

Teleferico Barbalha 002 (Copy)

A Construção da primeira etapa do Teleférico de Barbalha, localizada na Vila do Caldas, encontra-se em ritmo acelerado. Essa semana foi iniciada a montagem da primeira torre do Teleférico de Barbalha, a qual dará arrancada para interligação da Vila do Caldas ao Mirante do Cruzeiro (FLONA).

O Governo do Estado, por meio da Secretaria das Cidades e Secretaria do Meio Ambiente, iniciou em setembro às obras do teleférico, a partir da reconstrução do antigo Hotel e da Estação de Partida, localizados na Vila do Caldas, em Barbalha.

Teleferico Barbalha 004 (Copy)Esta primeira fase da obra consiste na execução da estação de embarque e reconstrução de antigo hotel que contemplará a tesouraria, bilheteria, administração, cafeteria e loja. O prazo previsto de conclusão total das obras é outubro de 2017.

“É uma obra que trará emprego e renda para a população não só de Barbalha, mas de todo o Cariri, pois é um equipamento voltado, principalmente, para um turismo ecológico, fazendo com que seja aproveitada toda a área de lazer da Serra do Araripe”, destaca o secretário adjunto das Cidades, Quintino Vieira.

Teleferico Barbalha 003 (Copy)O Teleférico de Barbalha é um projeto do Governo do Ceará que tem como objetivo desenvolver o potencial turístico da região e promover a interação das pessoas com o meio ambiente da Chapada do Araripe, possibilitando ações de educação, proteção, preservação e conservação do local.

Teleferico Barbalha 005 (Copy)Orçado em RS 14 milhões de reais, o equipamento interligará a Vila do Caldas ao Mirante do Cruzeiro, onde será possível contemplar o Vale do Salamanca, Centro Histórico de Barbalha, além de permitir uma vista privilegiada da encosta da Chapada do Araripe. A estrutura terá capacidade prevista para transportar 660 pessoas por hora.

Teleferico Barbalha 001 (Copy)O embarque se dará no antigo Hotel Balneário que será reconstruído, resgatando suas características arquitetônicas, para abrigar bilheteria, salão de exposição, café e centro administrativo do Teleférico. O acesso ao ponto inicial se dará pela rua Daniel Cordeiro das Neves, que foi recentemente urbanizada pela SCidades. Já a estação de desembarque será construída na área da Flona, com espaço para contemplação, observatório, mirante e passarela.

Todo o projeto foi concebido de maneira a ter o mínimo de impacto no ambiente natural, aproveitando os espaços de trilhas já existentes e terrenos descampados. O projeto ainda contará com borboletário, bromeliário e viveiro de mudas.

Leia também



PATOM
WhatsApp Image 2022-06-20 at 16.09.29

Enquete