Tiroteio deixa dois mortos e dois feridos no Crato

DA AGÊNCIA CARIRICEARA
Jota Lopes – Foto: Reprodução/WhatsApp

Um tiroteio ocorrido nesta sexta-feira (29) por volta das 22 horas, na Avenida Chagas Bezerra de frente ao ministério do trabalho no bairro São Miguel, em Crato deixou dois mortos e dois feridos. A polícia militar ao chegar ao local se deparou com muitos populares em volta de um veículo Fiat Pálio Weken de cor preta, de placa MYZ-4039, com varias marcas de disparos nos vidros da lateral direita. Os policiais verificarem que no banco traseiro do carro, encontravam-se duas vítimas já em óbito, Leonardo de Vasconcelos Sousa e Francisco Rogério da Silva; e deitado ao solo a pessoa de Cícero de Deus Lima, 32 anos atingido a bala na altura da coxa direita o qual foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência para o hospital são Francisco. As mortes foram comunicadas ao Núcleo de ciências forense (Antigo Instituto Médico Legal-IML) regional do cariri que fez o traslado dos corpos para serem necropsiados.

Os militares apuram que além dos dois mortos e do sobrevivente baleado socorrido pelo Samu, outras duas estavam no automóvel na hora do acontecido, o carona, Tiago Sostenes Miranda de Matos, que saiu aparentemente ileso e o advogado, Jerry Cruz Bezerra, residente em Barbalha e que dirigia o carro o qual saiu lesionado sendo socorrido por populares ao hospital São Camilo em Crato.

De acordo com boletim da CIOPS Crato, Tiago Sostenes relatou que minutos antes do fato, havia saído da delegacia regional de polícia civil de Crato juntamente com o advogado Jerry Cruz e os outros três ocupantes clientes do advogado e seguido em direção a Juazeiro do Norte, quando ao se aproximarem do semáforo da avenida perimetral com avenida Chagas Bezerra, ouviu o barulho de estampidos de arma de fogo vindo a se agachar no banco e não sabendo dizer de onde saíra os disparos, mas acha que possivelmente de ocupantes de motocicletas.

Além do policiamento militar, uma equipe da policia civil coordenada pelo delegado plantonista da 19°DRPC, Levi Gonçalves Leal, esteve no local  em buscas de informações que levasse a identificar e prender os atiradores, mas prevaleceu a lei do silêncio. Os policiais civis apreenderam o carro, bem como recolheram alguns estojos de munição, não sabendo precisar o calibre. As viaturas de serviço da PM cratense promoveram buscas no intuito de localizar os acusados, mas sem contudo obterem êxito.

Assista ao vídeo do socorro aos sobrevivente:


©Todos direitos reservados a Caririceara.com. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível de ação judicial com base na Lei nº 9.610, de 19 de fevereiro de 1998 dos Direitos Autorais.

Leia também



Multiservice - Fauston
Top Móveis_Crato Janeiro 2020

Enquete

Qual sua avaliação das ações do governo do presidente Jair Bolsonaro?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...
© Copyright 2019 — Caririceara.com. Todos os direitos reservados