Vereador Marquim pede que câmara abra processo por quebra de decoro contra Jales Veloso

A Câmara de Vereadores do Crato voltou a tratar das palavras do vereador Jales Veloso que afirmou ter tido acesso a uma gravação em que vereadores e assessores da câmara municipal estavam praticando extorsão junto a ex-presidente da SAAEC (Sociedade Anônima de Água e Esgoto do Crato) Janaína Fernandes.

O parlamentar Marquim do Povão (PSD) chegou a pedir que a fosse aberto um processo de quebra de decoro parlamentar contra o vereador Jales, por conta da declaração feita na sessão de terça-feira (10).

Mas os vereadores preferiram ir para o abafa e esquecer o assunto.

Ainda durante o debate no plenário, Jales questionou o pedido de Marquim e suscitou o caso do ‘Mensalinho do Crato’ quando também não houve pedido de quebra de decoro pela Casa. "É melhor deixar esse assunto quieto se não pior", disse Jales.

Nossa reportagem conversou com Marquim do Povão, que segue defendendo a abertura do processo de quebra de decoro parlamentar…………………

Vereador Luís Carlos Saraiva fala sobre o acionamento da justiça no caso………………

Foto: Jota Lopes/Agência Caririceara.com
Colaboração: Radialista Paulo Dimas

Leia também



Multiservice - Fauston
Top Móveis_Crato Janeiro 2020

Enquete

Você acha que motoristas alcoolizados devem ser considerados criminosos?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...
© Copyright 2019 — Caririceara.com. Todos os direitos reservados