Últimas notícias
latest

Durante final de semana chuvoso, bombeiros militares resgatam nove jiboias no Ceará

Foto: Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará/Divulgação

Em época de chuvas, a quantidade de animais silvestres que saem de seu habitat natural e surgem em residências, aumenta. Durante todo o final de semana, até esta segunda-feira (12/2), equipes do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará (CBMCE) já resgataram nove jiboias, no Estado. Foram 11 acionamentos para resgate de serpentes, porém duas conseguiram escapar antes da chegada das equipes.
Capital

O primeiro acionamento ocorreu na madrugada de sábado (10). Uma jiboia foi encontrada no quintal de uma residência, no bairro Conjunto Ceará. Uma equipe 5ª Companhia do 1º Batalhão de Bombeiros Militar foi até o local e resgatou a serpente com segurança, colocando-a em um recipiente de transporte.

No bairro de Fátima foram dois resgates, um deles na tarde também de sábado e outro na madrugada de domingo (11/2). A primeira serpente apareceu no jardim de um imóvel e a segunda foi encontrada em uma via pública, próximo a uma unidade hospitalar. Por último, uma serpente foi encontrada dentro de um veículo, no bairro Papicu, mas antes da chegada dos bombeiros, o animal conseguiu evadir-se.
Outros resgates

Em São Gonçalo do Amarante, os bombeiros da 4ª Companhia de Bombeiro Militar (4ªCia/2º BBM) foram acionados, na manhã de sábado (10), para resgatar uma jiboia de grande porte, que estava no quintal de uma residência, no bairro Palestina. O animal foi resgatado com segurança.

No sábado também aconteceram dois resgates de jiboias em Juazeiro do Norte. Equipes da 1ª Companhia do 5º Batalhão de Bombeiros Militar, foram acionados para os bairros Juvêncio Santana e Cidade Universitária.

Os outros resgates ocorreram nos municípios de Itapipoca, Crato e Quixeramobim.

Por fim, os bombeiros tentaram realizar o resgate de uma serpente, na manhã de sábado, no bairro Alto da Brasília, município de Sobral, porém, a jiboia entrou em um galho seco, impossibilitando sua retirada.

Nas ocorrências com êxito, as serpentes foram resgatadas de forma segura e devolvidas para seu habitat natural, longe de ambientes urbanos.

Normalmente, as cobras atacam um ser humano quando sentem-se ameaçadas. Por isso, ao avistar uma serpente, desvie do caminho, deixando-a livre para seguir o caminho dela.
Dicas

° Usar sempre um bastão ou vara longa para manipular objetos, mato ou lixo, que possam abrigar algum animal, de modo a manter-se distante em caso de um ataque de cobras;

° Manter seu quintal limpo e não acumular lixo, ou resto de materiais de construção, entre outros entulhos;

° Não estacionar veículo próximo a áreas de mato, lagoa, lugar escuro ou úmido;

° Use sempre calçado fechado e calças compridas. Se estiver em um local que é conhecido por ter cobras, use botas de cano alto ou perneiras para proteger a parte de baixo das pernas;

° Nunca tente capturar uma cobra, sugere-se filmar a cobra, dando um zoom, aproximando ao máximo, principalmente da cabeça, para que seja possível sua identificação, em caso de picada.

Sempre que encontrar uma serpente ou animal silvestre, ligue rapidamente para os telefones do 190 ou 193. Os resgates podem ser realizados por equipes especializadas do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará (CBMCE) ou do Batalhão de Policiamento de Meio Ambiente (BPMA) da Polícia Militar do Ceará (PMCE).

*Governo do Ceará


« ANTERIOR
PRÓXIMA »

Nenhum comentário