Últimas Notícias
latest
Mostrando postagens com marcador Entretenimento. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Entretenimento. Mostrar todas as postagens

Palco Sonoro da URCA inicia programação nesta quarta-feira, 17, até dia 20

PARQUE DE EXPOSIÇÃO PEDRO FELÍCIO CAVALCANTE EM CRATO. FOTO: JOTA LOPES/AGÊNCIA CARIRICEARA.COM

A Universidade Regional do Cariri (URCA), através da Pró-Reitoria de Extensão, inicia nesta quarta-feira, 18, a programação do Palco Sonoro, com shows de 17 a 20 de julho, por trás do stand da URCA (Centro de Interpretação do Geopark Araripe). Os shows acontecem a partir das 19h.

A programação será aberta com os shows de Henrique Jefferson, Leonardo de Luna e Vicente Neto e Forró Di Raiz. Na quinta-feira, as apresentações serão abertas pelo grupo Nazirê, em seguida, às 20h, Bluzin, e Guga Brito.

O penúltimo dia de apresentação contará com os shows Algarobas, Madalena Vivil e Banda Tiro Certeiro. No sábado, a programação será concluída com os shows de Bárbara Gomes, Junú, e a Banda Sol na Macambira. O evento conta com a parceria do SESC, e o Governo do Estado, através da Casa Civil e Secretaria da Ciência, Tecnologia e Educação Superior.

O Palco Sonoro se tornou, ao longo dos anos, um espaço alternativo da URCA para a boa música, além de um lugar acolhedor do público e dos artistas, dentro da ExpoCrato, reunindo a diversidade musical e que passou a ser uma opção diferenciada. Importante destacar a valorização dos artistas locais, selecionados de forma democrática, por meio de edital.


--



Universidade Regional do Cariri (URCA)

Núcleo de Comunicação

Telefones: (88) 3102-1213 - 9 - 8812.5525 ramal 2617

Twitter: @URCA_noticias

Facebook: facebook.com/urca30anos

www.urca.br – Crato, julho de 2024

Ceará Criativo abre inscrições para formações gratuitas em Icapuí e Salitre

CRED Maria Haydée 1

Com realização da Secult Ceará, os seis cursos transitam em diferentes áreas da arte e da cultura, como fotografia, literatura, moda e elaboração de projetos

Do sertão ao litoral, desde o mês de maio, o Ceará Criativo — Movimenta Ceará vem realizando cursos gratuitos de arte e cultura em dez municípios cearenses. Ao todo, são 26 atividades formativas executadas durante quatro meses de projeto e, até julho, cerca de 227 pessoas já foram beneficiadas pelas formações. Nesta reta final, os municípios de Icapuí e Salitre recebem seis cursos que transitam por áreas como fotografia, moda, literatura, música e elaboração de projetos. As inscrições estão abertas até o dia 31/07 e podem ser realizadas por meio do Mapa Cultural do Ceará.

O Ceará Criativo — Movimenta Ceará é uma realização do Governo do Ceará, por meio da Secretaria da Cultura, e do Governo Federal, por meio do Ministério da Cultura, com recursos da Lei Paulo Gustavo e execução da Assum Preto Produções.

Estratégias para elaboração e escrita de projetos culturais é assunto recorrente nas formações do Ceará Criativo. Em Icapuí, Monique Sousa ministra o curso "Elaboração de Projetos Culturais: Estratégias para Gestores e Produtores", entre os dias 3 e 18 de agosto. Já no município de Salitre, entre os dias 24 de agosto e 15 de setembro, Juliana Tavares realiza o curso "Elaboração de projetos: escrita e execução". Ambas as formações são em formato híbrido.

Ainda em Icapuí, de 16 a 25 de agosto, Alan Mendonça ministra a formação "Prosa em Curso: Estudos de Elaboração da Escrita sobre o Mar" na Escola Horizonte da Cidadania. Fechando a programação no município, o curso "A Fotografia da Natureza como Instrumento para a Educação" será ministrado por Fernanda Oliveira, entre os dias 23 de agosto e 1 de setembro.

Na cidade de Salitre, Neide Rodrigues ministra a formação "Moda e acessórios afro brasileiros: uma proposição criativa", de 12 a 23 de agosto, no Centro Municipal de Eventos José Elói de Souza. Para os interessados no fazer musical, Leno Farias realiza o curso "Criação e Manuseio de Instrumentos da Percussão" entre os dias 26 de agosto e 6 de setembro.

Cultura em movimento

O Ceará Criativo consiste na realização de ciclos formativos em Acaraú, Caucaia, Guaramiranga, Icapuí, Maranguape, Quixadá, Russas, Salitre, Senador Pompeu e Tururu. Para cada município, são realizadas 120h/a de cursos em diversas linguagens artísticas, assim como um curso voltado para produtores culturais, gestores e pessoas trabalhadoras da cultura, com carga horária de 40h/a. No total, todos os municípios recebem a carga horária básica de 160h/a de formação. Além dos cursos, também são realizadas atividades complementares como oficinas e workshops.

Bolsas de estudo de R$ 200 são ofertadas a cada 30h/a cursadas, totalizando o máximo de 120h em cada município — ressaltando que apenas as pessoas que atendam os pré-requisitos de presença serão contempladas. Para participar, as pessoas interessadas devem se inscrever por meio de oportunidades no Mapa Cultural do Ceará para cada curso em questão.

Desde maio, o programa já passou por Senador Pompeu, Quixadá, Maranguape e Acaraú. Atualmente, está desenvolvendo formações em artes visuais com alunos na Aldeia Anacé em Caucaia, ações sobre música e tradição popular em Guaramiranga e em Tururu, e cursos sobre teatro e figurino em Russas.

SERVIÇO

Inscrições abertas para cursos do Ceará Criativo em Icapuí e Salitre

De 15 a 31 de julho

Através do Mapa Cultural do Ceará


ICAPUÍ


"A Fotografia da Natureza como Instrumento para a Educação" com Fernanda Oliveira

23, 24, 25, 30, 31 de agosto e 01 de setembro, das 8h às 13h e das 14h às 19h

na Estação Ambiental Mangue Pequeno - Praia da Requenguela

Inscrições até 31/07

https://mapacultural.secult.ce.gov.br/oportunidade/5467/


"Prosa em Curso: Estudos de Elaboração da Escrita sobre o Mar" com Alan Mendonça

16, 17, 18, 23, 24, 25 de agosto, das 8h às 13h e das 14h às 19h

na Escola Horizonte da Cidadania - Praia de Redonda

Inscrições até 31/07

https://mapacultural.secult.ce.gov.br/oportunidade/5466/

Centro Cultural do Cariri Sérvulo Esmeraldo sedia outorga do título de Dr. Honoris Causa a Gilberto Gil e abre exposição inédita que homenageia o ícone da cultura brasileira

Foto: Carlos Gibaja
Após a titulação realizada pela Universidade Regional do Cariri (Urca), Centro Cultural do Cariri inaugura mostra “Debaixo do Barro do Chão”, com obras de mestres da cultura cearense que se conectam com a musicalidade de Gil



Gilberto Gil em noite histórica no Centro Cultural do Cariri Sérvulo Esmeraldo Foto: Carlos Gibaja

Na noite desta quarta-feira (10), o Centro Cultural do Cariri Sérvulo Esmeraldo, espaço público da Secretaria da Cultura do Ceará (Secult Ceará), sediou a solenidade de outorga do título de “doutor honoris causa” ao cantor, compositor e ex-ministro da Cultura, Gilberto Gil.

O título foi concedido pela Universidade Regional do Cariri (Urca). “Reconhece Gilberto Passos Gil Moreira pelo singular incentivo em prol das artes, das ciências, da filosofia, das letras e do melhor entendimento entre os povos e sua relevante contribuição para o desenvolvimento da região do Cariri e do País”, detalha a gestão da Urca.

“A gratidão por esta honraria só não é maior que o orgulho de fazer parte dessa riqueza, dessa grandeza, dessa terra ardente, de ser irmão dessa sagrada gente, desse chão. Obrigado de coração”, declarou, Gilberto Gil, após receber a distinção.

As celebrações ao legado de Gilberto Gil prosseguem no equipamento referência em acesso, difusão e promoção da cultura cearense. Gerido em parceria com o Instituto Mirante de Arte e Cultura, o Centro Cultural do Cariri Sérvulo Esmeraldo abre, nesta quinta-feira (11), a exposição “Debaixo do Barro do Chão”. Construídas por mestres da cultura do Ceará, as peças se conectam com a vida e obra do artista e ativista da cultura nacional.
Gil que inspira

O evento foi presidido pelo Reitor da Instituição, professor Carlos Kleber de Oliveira. Contou com as presenças do Governador do Ceará, Elmano de Freitas; da secretária da Cultura, Gecíola Fonseca; da secretária da Ciência, Tecnologia e Educação Superior, Professora Sandra Monteiro; do secretário de Formação Cultural, Livro e Leitura do Ministério da Cultura (MinC), Fabiano Piúba; e do Conselho Universitário da URCA.

“O Cariri, essa lendária terra de gente resistente e forte. Hoje, volto aqui para compartilhar com tantos que empreendem essa lavoura humana da busca constante do conhecimento e do saber. Volto para receber as honrarias de pertencer aos quadros dos homens doutos, aqueles que a vida doutor, doutorou para a distinção de instruir com o seu exemplo, de ensinar com o seu trabalho, de inspirar por sua caminhada”, declarou Gilberto Gil.



Diplomação de Gilberto Gil Foto: Carlos Gibaja

Na ocasião, o homenageado também recebeu a Coroa do Reisado do Cariri e espada confeccionadas, respectivamente, por mestre Tarcísio do Reisado São Miguel e mestre Valdir do Reisado Arcanjo Gabriel. Os artefatos foram entregues por mestre Aldemir e mestra Flatenara.

A solenidade reuniu uma série de apresentações artísticas. A acolhida foi feita pelo Reisado de Caretas de Potengi, Banda Cabaçal dos Irmãos Aniceto, Mestre Aldenir e o Reisado Reis de Congo, Mestra Maria de Tiê e o Coco dos Souza. Após a sessão de outorga, o palco do Terreiro das Artes, no Centro Cultural, recebeu o show de Bem Gil e Banda Fogo Eterno, com participações de Moreno Veloso, Mãeana, Guigga e Luíza Brito.



Mestre Aldenir entrega Coroa do Reisado do Cariri ao homenageado Foto: Carlos Gibaja

“São inúmeros aqueles que eu poderia destacar ao rol dos que me aproximaram deste lugar. Foram tantos. Desde aqueles que nos primórdios da minha vida me fizeram ouvir os sons dessa terra de bravos e encantados. Depois, aqueles que me trouxeram tantas vezes para perto do alento, do fôlego desses ventos sertanejos. Aqueles que me animaram a conhecer mais e melhor essa riqueza agrestina. Esses tantos, a quem eu teria de agradecer agora, por estar envergando esta beca”, compartilhou Gilberto Gil.
Exposição para Gilberto Gil

Após o evento que marcou a entrega do título “doutor honoris causa” ao ícone da MPB, o Centro Cultural inaugura, nesta quinta-feira (11), a exposição “Debaixo do Barro do Chão”. A mostra estará disponível para visitação no espaço Átrio e conta com a curadoria de Fabiano Piúba.

“O Cariri sempre esteve presente na vida e na obra de Gilberto Gil, em especial na sua relação com o cancioneiro de Luiz Gonzaga, filho de Exu, terra pernambucana que faz fronteira com o Crato, cidade onde está localizado o Centro Cultural do Cariri”, anuncia o material de divulgação da mostra.



Centro Cultural do Cariri Sérvulo Esmeraldo segue com exposição que celebra Gilberto Gil Foto: Carlos Gibaja

A exposição conta com obras construídas por Corrinha Mão na Massa (da cidade de Missão Velha), Mestra Fanca e Irmãs Cândido (Juazeiro do Norte) e Mestre Jaime, da Barbalha. Os trabalhos se conectam com a musicalidade e o universo tão bem cantado por Gilberto Gil.

A instalação apresenta peças inspiradas a partir da música “De onde vem o baião”, composta pelo baiano em 1976. A produção exposta também se relaciona com a vida e obra do homenageado, adentrando a materialidade imantada da terra que adentra o pensamento e o fazer artístico de Gilberto Gil.

*Ascom Secult CE

Preparativos para Expocrato 2024 entram na reta final

FOTO: JOTA LOPES/AGÊNCIA CARIRICEARA.COM
EXPOCRATO acontecerá de 14 a 21 de julho no recinto do Parque de Exposição Pedro Felício Cavalcante em Crato-CE.

Agência Caririceara.com
Redação


Crato, CE - A tradicional Exposição Centro Nordestina de Animais e Produtos Derivados do Crato - EXPOCRATO, está prestes a iniciar sua 71ª edição, que acontecerá de 14 a 21 de julho no recinto do Parque de Exposição Pedro Felício Cavalcante. Este ano, o evento também celebra seus 80 anos de história, reafirmando sua importância e tradição no calendário agropecuário e cultural da região.

Os preparativos estão em sua fase final, e a cidade do Crato já sente a movimentação que antecede um dos maiores eventos do gênero no Nordeste. A Expocrato é reconhecida não apenas pela exposição de animais e produtos derivados, mas também pela vasta programação cultural, incluindo shows musicais, feiras de artesanato, gastronomia, palestras e atividades voltadas para o agronegócio.

Em entrevista ao repórter Jota Lopes, do site Caririceara, a Dra. Suelen Fortaleza, integrante do grupo gestor da Expocrato, destacou a importância do evento para a região. ESCUTE O ÁUDIO:



46ª Vaquejada de Juazeiro do Norte: Confira as ações dedicadas aos vaqueiros e competidores


Foto: Ascom da PMJN

A 46ª Vaquejada de Juazeiro do Norte, reconhecida como uma das maiores do Brasil, tem em sua programação a derrubada de boi, esporte realizado 24h por dia, com início na quarta-feira, 10 de julho, às 8h da manhã. E, do dia 11 a 14 de julho, a ação começará às 6h da manhã. O evento será realizado no Parque de Vaquejada Padre Cícero.

Este evento tradicional atrai vaqueiros de vários estados, celebrando nossa cultura com muita adrenalina e festa.

Cavalgada

A tradicional Cavalgada da 46ª Vaquejada de Juazeiro do Norte será realizada no próximo dia 12 de julho, às 7h. A concentração começará na Basílica Nossa Senhora das Dores.

O trajeto da cavalgada será: Basílica de Nossa Senhora das Dores, Rua Padre Cícero, Rua São Francisco, Rua São Paulo, Avenida Castelo Branco, Rua Ivani Feitosa, Rua Sebastião Mariano, Rua Paizinho Sabiá, Rua Frei Damião, chegando ao Parque de Eventos Padre Cícero.

Desfile das Bandeiras, Oração e Bênção dos Vaqueiros

No dia 14 de julho, às 18h, será realizado, no Parque de Vaquejada Padre Cícero, o Desfile das Bandeiras, seguido pela Oração e Bênção dos Vaqueiros. O momento de encerramento se dá em forma de agradecimento e homenagem a Nossa Senhora Aparecida, Padroeira dos Vaqueiros, e um pedido de bênção ao Padre Cícero. A Vaquejada é venerada pelos vaqueiros, esportistas e pela população de Juazeiro do Norte.

Além de celebrar nossa fé e tradição, o evento também tem um impacto positivo na economia local, impulsionando as vendas dos barraqueiros e contribuindo para a complementação de renda das famílias.

*Ascom da PMJN

URCA Concede Título de Doutor Honoris Causa a Gilberto Gil

CANTOR GILBERTO GIL. FOTO: REPRODUÇÃO/INSTAGRAM
Agência Caririceara.com
Redação


A Universidade Regional do Cariri (URCA) está prestes a realizar uma solenidade histórica de outorga do Título de Doutor Honoris Causa a Gilberto Passos Gil Moreira (Gilberto Gil), renomado cantor, compositor, escritor, ex-ministro da Cultura e ativista brasileiro. O evento está agendado para o próximo dia 10 de julho, às 18h, no Terreiro das Artes do Centro Cultural do Cariri.

A iniciativa para a concessão deste prestigioso título partiu do ex-reitor da URCA, Professor Francisco do Ò de Lima Júnior, e foi aprovada por unanimidade pelo Conselho Universitário. A proposição, apresentada no ano passado, destaca a significativa contribuição artística e cultural de Gilberto Gil, além de reconhecer seu papel como ex-ministro da Cultura do Brasil.

O Título de Doutor Honoris Causa é uma homenagem reservada a personalidades de excepcional relevância e cujo legado impacta positivamente diversas áreas da sociedade. A URCA, ao conferir esta distinção a Gilberto Gil, não apenas celebra sua trajetória marcada por inovação e compromisso com a cultura brasileira, mas também reforça seu compromisso com a valorização e difusão do conhecimento nas diversas manifestações artísticas e culturais.

Este evento promete ser não apenas um marco na história da URCA, mas também um momento de reflexão sobre a importância da arte e da cultura na construção de uma sociedade mais plural e inclusiva.



Expocrato anuncia Tirulipa como novo apresentador


O evento volta com a tradição de ter apresentador

A Expocrato 2024 anunciou nesta terça-feira (2), o retorno da tradição de apresentadores na Expocrato. O nome escolhido foi o do humorista, Tirulipa. O filho de Tiririca será o apresentador oficial do evento. 

Filho do Ceará, o humorista Tirulipa é conhecido nacionalmente pelo seu carisma e humor, prometendo trazer muita diversão e alegria para o público. Durante o isolamento social, Tirulipa mostrou seu talento como apresentador para todo o Brasil, conduzindo diversas lives com grandes cantores nacionais e levando felicidade para milhões de brasileiros. Agora, ele levará seu humor contagiante diretamente ao palco da Expocrato.

Com seu estilo irreverente, o humorista conduzirá as noites do evento entre 13 e 21 de julho, apresentando as atrações e interagindo com o público, proporcionando uma experiência única e inesquecível.

Expocrato 2024 esgota ingressos de mais um dia na área privada; outras datas estão nas últimas unidades

A Expocrato 2024 vem sendo um sucesso de vendas! O primeiro dia do mês do evento, que ocorre de 13 a 21 de julho, comprovou as altas expectativas deste ano. Todos os ingressos para o dia de abertura da festa, 13, na área privada, esgotaram. Essa data tem como atrações o embaixador mais amado do Cariri, Gusttavo Lima, Mari Fernandez, Calcinha Preta, Limão com Mel, Luiz Fidélis, Raphael Belo Xote, Forró Saborear e Gideon do Forró.

O dia 19 também já se encontra esgotado, e vendeu todas as unidades em pouco mais de 72h de abertura. Vários outros dias também já estão nos últimos ingressos, garanta o seu. As entradas para as áreas pagas podem ser adquiridas pelo site oficial do evento www.expocratooficial.com ou nos pontos de venda físicos, no Cariri Shopping e no La Plaza, em Juazeiro do Norte, e no Blue Tower, em Crato. As vendas seguem enquanto durar o estoque.

Para a área gratuita, não é necessário adquirir ingressos antecipados. A entrada nesta parte do evento é livre e terá limitação de acordo com a capacidade do espaço, sujeito a lotação e fechamento dos portões.

Para ver a programação completa e ficar por dentro de todas as novidades, siga nossas redes sociais oficiais e acesse o site @expocrato.oficial e www.expocratooficial.com . Garanta já a sua entrada. Os lotes seguem enquanto durar o estoque.

12 campeãs do Nordeste disputam festival de quadrilhas juninas em Juazeiro do Norte

FOTO: ASCOM DA PMJN

As quadrilhas campeãs do Nordeste estarão reunidas no Festival Nordestão Padre Cícero de Quadrilhas Juninas, em Juazeiro do Norte. O evento ocorre de 4 a 6 de julho, no Parque de Eventos Padre Cícero. Durante os três dias, serão 12 apresentações envolvendo as nove campeãs de cada estado e mais três quadrilhas cearenses. Além de Juazeiro, Campos Sales e Fortaleza têm representações que disputarão uma premiação de 50 mil reais.

As participantes são campeãs estaduais em seus respectivos estados no ano de 2023 em festivais chancelados pelas federações. Com isso, se apresentarão: Quadrilha Asa branca, de Campos Sales; Nação Nordestina, de Juazeiro do Norte; Babaçu e Paixão Nordestina, de Fortaleza; Luar do Sertã, do Piauí; Lumiar, de Pernambuco; Amanhecer do Sertão, de Alagoas; Balão Dourado, do Rio Grande do Norte; Meu Sertão, de Sergipe; Sapecou Queimou, da Bahia; Lajeiro Seco, da Paraíba e Flor de Mandacaru, do estado do Maranhão.

Para o coordenado do Evento, Cícero Santos, a expectativa é que mais de 30 mil pessoas acompanhe o festival durante os três dias de evento no Parque Padre Cícero. Ele revela que só de pessoas envolvidas na realização do evento, são mais de 5 mil. “Essas são as quadrilhas mais premiadas de 2023, em seus respectivos estados. Com isso, nós não temos dúvidas que o Festival Nordestão Padre Cícero será um evento grandioso com cores, atuações, ritmos e coreografias para encher os olhos do público”, conclui.

A apresentações são totalmente gratuitas e o projeto é uma realização do Ministério da Cultura, através da Lei Nacional de Incentivo à Cultura. Além de parceria com a Prefeitura de Juazeiro do Norte, através da Secretaria de Cultura do Município. A iniciativa visa fomentar a tradição popular nordestina, através das apresentações dos grupos juninos, além de promover o aquecimento no mercado local, atraindo brincantes e turistas de outras regiões para a cidade.

*ASCOM

2024 tem área inteiramente gratuita; saiba como acessar


A Expocrato 2024, que ocorre de 13 a 21 de julho, chega com um novo formato. A festa vai movimentar a região com uma roupagem inédita, contando com área totalmente gratuita.

O espaço democratiza o acesso aos shows e dá a oportunidade ao público de ficar mais próximo dos artistas, pois inicia na frente do palco. A parte destinada à plateia do evento será dividida, e mais da metade dela destinada ao acesso gratuito.

Para entrar, não é preciso garantir ingresso antecipado. Ou seja, a festa terá entrada livre ao público, ficando restrita apenas à lotação do espaço. Essa medida torna a Expocrato acessível a todos os públicos e socializa o acesso ao lazer.

Além de chegar na frente do palco, o público que estiver na área gratuita também vai usufruir de bares cenográficos e poderá se divertir na roda gigante.

Para ver a programação completa e ficar por dentro de todas as novidades, siga nossas redes sociais oficiais e acesse o site @expocrato.oficial e www.expocratooficial.com . As vendas para os espaços privados seguem no site do evento, enquanto durar o estoque.

Feira Criativa e quatro espetáculos marcam o penúltimo dia do Festival das Artes Cênicas do Cariri


Espetáculo "Laborioso Contato" da Trupe Motim de Teatro (Foto: Janaíle Soares) 
Durante a Feira Criativa, empreendedores locais vão apresentar seus produtores e criações para o público que for prestigiar o Festival.

O Festival das Artes Cênicas do Cariri (FAC) - Cena Ceará chega ao penúltimo dia com uma maratona de quatro espetáculos, além de uma feira criativa e um arraiá junino para animar o público na noite desta sexta-feira (21). As atividades serão realizadas tanto no Crato como em Juazeiro do Norte. Toda a programação é gratuita.

O tradicional grupo Trupe Motim de Teatro faz sua apresentação com o espetáculo “Laborioso Contato”, às 16h, na Encosta do Seminário, no Crato. O público presente vai poder conferir a trajetória de um extraterrestre que pousa na terra para julgar e por fim na humanidade, a partir de sua avaliação sobre nossas ações. Um Bufão será o representante da terra. É o fim do mundo e esse palhaço enfrentará os quatro cavaleiros do apocalipse, que são: o cavaleiro da fome, da guerra, da poluição e da morte, será que ele conseguirá vencer os cavaleiros, passar pelas provas da alienígena e salvar o mundo? Só quem acompanhar o espetáculo até o final poderá descobrir esse desfecho.

Em seguida, o Museu Escafandro de Novidades traz para a plateia o espetáculo MaquinaMário - Barroco Sonho-Cidade para um Descomunal Poeta. Com encenação de Murillo Ramos e textos de Beto Menêis, o espetáculo de rua e praças homenageia, a partir da vida e obra do Poeta Mário Gomes, a poesia, a cidade e a vida. É um espetáculo livre e lúdico para todas as pessoas. Uma poesia imagética, visual e sonora, onde a atmosfera de sonhos é suscitada evocando Cidade, Poetas e Livros e Zepelins. A apresentação acontece às 17h, no Centro Cultural do Cariri (Crato).

Na programação das 17h30, tem a performance, Madre Amada Desgastada. E no início da noite, às 18h, a Cia. Bravia, grupo formado somente por mulheres, apresenta o espetáculo “Das Que Ousaram Desobedecer, no Centro Cultural Banco do Nordeste, em Juazeiro do Norte. A peça aborda a luta de mulheres contra a Ditadura Militar dos anos 60 e 70 no Brasil. Rosa da Fonseca, Nadja Oliveira, Ruth Cavalcante, Helena Serra Azul, Rita Sipahi, Beliza Guedes, Jana Barroso são algumas dessas mulheres que tiveram suas histórias de vida marcadas por um regime opressor e cruelmente repressor. No espetáculo as atrizes se deixam atravessar pelas memórias dessas mulheres através de suas narrativas, trazendo para a cena experiências de vida que contribuem na construção de um mundo mais justo e humano.

O último espetáculo da noite de sexta-feira, ficará por conta do tradicional Grupo Garajal que tem 20 anos de trajetória na cena teatral cearense. E é justamente em meio a lembranças individuais e coletivas, nesses 20 anos de carreira, que os integrantes do grupo buscam, em cena, pensar sobre como o artista se encontra constantemente nesse local "a beira" de algo em relação ao seu próprio fazer, nessa proximidade entre, ator e personagem, público e privado, realidade e ficção , artista e espectador. A peça será realizada às 20h no Centro Cultural do Cariri, no Crato.

E para encerrar a noite, nada melhor que mergulhar no clima de São João. A partir das 23h, o Arraiá da Ucá, não vai deixar ninguém parado com os shows de Krystal (Natal/RN) e Trio Flor do Piqui (Crato) que vão promover um grande arrastapé para todos os presentes na programação do Música no FAC.

Feira criativa

Vale destacar ainda que, de 20 a 22 de junho, das 18h às 22h, o FAC promove no Centro Cultural do Cariri, a Feira Criativa. Na ocasião, empreendedores locais vão apresentar seus produtos e criações para o público que for prestigiar o Festival.

Impulso para a carreira artística

Assim como aconteceu em 2019, o FAC realizará nesta edição as rodadas de negócios, que reúnem artistas e programadores nacionais e internacionais para discutir possibilidades de circulação de espetáculos e demais projetos de artes cênicas em outros espaços.

PROGRAMAÇÃO DE SEXTA-FEIRA (21/06)

16h - Espetáculo MaquinaMário - Barroco Sonho-Cidade para um Descomunal Poeta (Museu Escafandro de Novidades)
Local: Centro Cultural do Crato

17h - Espetáculo Laborioso Contato - Um Palhaço Anuncia o Fim do Mundo (Trupe Motim de Teatro)
Local: Encosta do Seminário (Crato)

17h30 - Performance: Madre Amada Desgastada (Eliana Amorim)
Local: Centro Cultural do Crato

18h às 22h - Feira Criativa
Local: Terreiro das Artes - Centro Cultural do Cariri (Crato)

18h - Espetáculo Das Que Ousaram Desobedecer (Cia. Bravia)
Local: CCBNB Cariri (Juazeiro do Norte)

20h - Espetáculo na Beira (Grupo Garajal)
Local: Pequeno Palco - Centro Cultural do Cariri (Crato)

22h - Música no FAC - Arraiá na Ucá - Krystal (Natal/RN) / Trio Flor do Piqui (Crato)
Local: Casa Ucá (Crato)

ASSINATURA

O Festival de Artes Cênicas (FAC) - Cena Ceará é realizado através da Lei Federal de Incentivo à Cultura, Lei Rouanet com patrocínio de Rede, Dilly, Secretaria Municipal de Cultura do Crato, apoio do Centro Cultural Banco do Nordeste, produção de Kariri Cultura, parceria com o Instituto Mirante de Cultura e Arte, o Centro Cultural do Cariri Sérvulo Esmeraldo e a Secretaria da Cultura do Estado do Ceará e realização de Ato Marketing Cultural, Ministério da Cultura e Governo Federal.

SERVIÇO

Festival das Artes Cênicas (FAC) - Cena Ceará: 18 a 22 de junho, em Juazeiro do Norte e Crato, no Cariri. Mais informações:@festivaldasartescenicas.


Cantor Alceu Valença será uma das grandes atrações do FestCrato 260 anos, nesta quarta-feira, 20

Programação de shows e inaugurações do FestCrato 260 anos inicia nesta quarta-feira, 20, a partir das 21h30

As festividades alusivas aos 260 anos do Município do Crato animam a população. Em ritmo de forró, cultura e tradição, a semana foi aberta no dia 15 de junho pelo Prefeito Zé Ailton Brasil, no Parque de Exposição Pedro Felício Cavalcanti, com diversas atrações. O Crato Junino teve a sua programação encerrada na noite desta terça, com as apresentações das Quadrilhas Renascer do Sertão e Arraiá Cantando o Nordeste, além dos shows com o Trio Nois Trio e Epitácio Pessoa e Banda Chapéu de Couro. Um grande público esteve presente para assistir aos espetáculos.

Mais uma vez a Prefeitura do Crato, através da Secretaria de Cultura, por meio de política de editais, acerta em trazer as festividades juninas nesse período, se consolidando a cada ano como um grande festival de valorização e fortalecimento das agremiações de bairros e distritos da cidade. O Circuito de Feiras com os produtores rurais e artesãos marcaram presença durante todos os dias, com a abertura do Engenho e da Casa de Farinha, que se tornaram tradição durante as feiras e na ExpoCrato.

Programação

Confira a nossa programação desta quarta-feira, iniciando com a inauguração, às 8h30, da Exposição História do Crato, que será realizada na antiga casa do Senado do Crato, na Praça da Sé (antigo museu de fósseis). Em seguida, às 10h, será realizada a Reinauguração da Escola Estado da Paraíba, na Praça Joaquim Teles, no Pimenta. Às 14h, acontece a Reinauguração da Escola Raimundo Nonato de Souza, no Distrito de Dom Quintino. Às 16h, será a vez de entrega oficial da Areninha Tiago Couto Lóssio, no Conjunto Habitacional Madre Feitosa, na Bela Vista, com jogo festivo de abertura. Às 19h, haverá celebração com o Adora Crato, na RFFSA, encerrando a noite com os shows no Parque de Exposição.

Shows e horários das atrações

19/06 - Quarta-feira

Tropa Junina - 21h

Alceu Valença - 23h

Luiz Fidelis- 00h

Belo Samba - 02h

*Conteúdo da ASCOM DA PMC




20/06 - Quinta-feira



Leonardo de Luna - 20h



Pé de Calçada - 21h30



Zé Cantor - 22h40



Raphael Belo Xote - 00h50



Noda de Cajú - 01h50



Raquel dos Teclados - 03h30

Exposição no Cariri homenageia o artesão Raimundo Caetano Rodrigues, o mestre Racar

Fotos: Mariana Parente e Drawlio Joca - SPS

As obras do artesão Raimundo Caetano Rodrigues, o mestre Racar, deram vida a entidades do sincretismo religioso e da cultura popular. As cores saltam aos olhos e fica impossível ter contato com suas peças e não se encantar diante da vida que carregam em si, como se ele tivesse um poder de encantamento ao talhar na madeira novos seres e criaturas do imaginário popular. A criação de Racar foi interrompida por sua morte, em abril deste ano, aos 58 anos de idade.

Para quem não conheceu sua arte ainda em vida, é possível conhecer suas obras e assim sua história em exposição, na cidade do Crato, no Cariri. Durante este mês de junho, a Secretaria da Proteção Social (SPS), por meio da Central de Artesanato do Ceará (Ceart), e em parceria com o Centro Cultural do Cariri Sérvulo Esmeraldo, homenageia o artesão com uma exposição que reúne algumas de suas produções. A mostra está aberta para visitação às quintas e sextas-feiras, das 15h às 20h, e aos sábados e domingos, das 12h às 20h.

“Racar era um exímio contador de histórias, criava um universo inteiro povoado por santos, criaturas sobrenaturais e coisas da terra, do seu povo, do seu Cariri”, conta a secretária da Proteção Social, Onélia Santana. Ela lembra que Racar esteve entre os artesãos que levaram a arte cearense ao Carrossel do Louvre, em Paris, no ano passado, e destaca a importância desses artistas populares para a história e identidade do povo cearense.



De onde estiver, ele deve estar colorindo muitos outros seres fantásticos desses que ele deu vida aqui na terra. O artesão faleceu em abril deste ano, mas seu legado e genialidade permanecem vivos. Nascido em 1966, no sertão do Cariri, em Nova Olinda, Racar veio com os pais e os quatro irmãos para Juazeiro do Norte, onde trabalhou em fazendas como ajudante de pedreiro, antes de descobrir sua vocação como artesão.

O maior sonho do artesão era ajudar toda a sua família, e ele conseguiu realizar esse sonho em vida, seu irmão, Cícero Rodrigues, o “Zumbin” , se tornou artesão inspirado em Racar. “Ele me ensinou muita coisa, lembro que eu trabalhava na roça e um dia o Racar me convidou para ver como era o trabalho dele com a madeira, esculpindo aquelas peças todas e depois pintando. Fiquei encantado por tudo aquilo e percebi que também poderia ser um artesão”, conta Zumbin, que hoje trabalha com arte sacra, no Centro de Cultura Popular Mestre Noza, em Juazeiro do Norte.

Racar trabalhava em casa e no Centro de Cultura Popular Mestre Noza, onde passava a maior parte do seu tempo. O artesão fica vivo em suas obras e na força que elas carregam consigo. Ele transmitiu seu saber e transformou a vida da sua família e de todos que o procuravam querendo aprender a talhar na madeira e ser um artesão como ele. Racar foi um mestre não só na vida, mas também na arte.
Serviço:

Exposição Racar
Data: quintas e sextas, das 15h às 20h / sábados e domingos, das 12h às 20h
Local: Centro Cultural do Cariri Sérvulo Esmeraldo (Av. Joaquim Pinheiro Bezerra de Menezes, 1, Gizélia Pinheiro – Crato – CE)

*Ascom SPS

EXPOCRATO 2024: Divulgada grade parcial dos shows no palco "Infernim"

FOTO: DIVULGAÇÃO

Agência Caririceara.com
Redação


A Expocrato 2024 está se aproximando e os fãs de música já estão ansiosos para conferir as atrações do palco "Infernim". O evento reunirá artistas de diversos gêneros musicais e o palco promete uma programação imperdível este ano.

Confira abaixo a grade parcial dos shows que já foram confirmados:

Bulé de Caminhão

Ciço Bodim

Chumbo Simsinhô

Gideon

Gordim d Pisadinha


Em entrevista ao site Caririceara, o presidente da Associação dos Criadores de Caprinos e Ovinos da Bio-região do Cariri (ACCOA), Dr. Pedro Maia, falou sobre a grade parcial dos shows no palco "Infernim". ESCUTE O AÚDIO:
A Expocrato 2024 acontece no período de 14 a 21 de julho no Parque de Exposição Pedro Felício Cavalcanti, em Crato-CE.
FOTO: DIVULGAÇÃO
A Expocrato 2024 está se aproximando e os fãs de música já estão ansiosos para conferir as atrações do palco "Infernim". O evento reunirá artistas de diversos gêneros musicais e o palco promete uma programação imperdível este ano.

Confira abaixo a grade parcial dos shows que já foram confirmados:

Bulé de Caminhão

Ciço Bodim

Chumbo Simsinhô

Gideon

Gordim d Pisadinha

Em entrevista ao site Caririceara, o presidente da Associação dos Criadores de Caprinos e Ovinos da Bio-região do Cariri (ACCOA), Dr. Pedro Maia, falou sobre a grade parcial dos shows no palco "Infenim".

ESCUTE O AÚDIO:

A Expocrato 2024 acontece no período de 14 a 21 de julho no Parque de Exposição Pedro Felício Cavalcanti, em Crato-CE.

Festival das Artes Cênicas – Cena Ceará acontece de 18 a 22 de junho na região do Cariri

Espetáculo com homenagem a Paulo Freire está na programação do FAC (Foto: Divulgação)

Mostra de espetáculos, performances e cenas curtas compõem a programação desta edição, que busca valorizar ainda mais as produções cearenses. O evento promove ainda Feira Criativa, rodadas de negócios e apresentações musicais

Vem aí mais uma edição do Festival das Artes Cênicas (FAC) - Cena Ceará, que acontece de forma presencial após cinco anos. De 18 a 22 de junho, as cidades de Juazeiro do Norte e Crato recebem uma extensa programação cultural, totalmente gratuita. Com Mostra de Espetáculos, Performances e Cenas Curtas, o evento reunirá atrações de teatro, circo e dança do Estado, com apresentações no Centro Cultural do Cariri, Centro Cultural Banco do Nordeste e Sesc Crato. Além disso, a programação vai contar com rodadas de negócio, voltadas para aqueles que buscam formas de impulsionar suas carreiras, feira criativa com empreendedores locais e ainda apresentações musicais.

Nesta edição, o FAC Cena Ceará volta sua atenção fortemente para as produções, grupos e artistas locais, que têm a chance de apresentar seus trabalhos e trocar ideias e experiências sobre o fazer artístico e o panorama das artes cênicas no Ceará. Para a Mostra de Espetáculos, o evento contou com a curadoria de Cristina Castro, Fátima Pontes e Onisajé, três mulheres nordestinas atuantes nos campos do teatro, circo e dança. Já a curadoria das Performances foi realizada por soupixo e Lívio Pereira, que buscaram não apenas selecionar atos ou artistas, mas, principalmente, tecer narrativas, provocar emoções e desafiar perspectivas.

“Para o FAC Cena Ceará 2024, a escolha dos trabalhos foi guiada, principalmente, por fatores como representatividade e a profundidade dos temas abordados, sempre considerando os diferentes territórios em que atuam. Não por acaso, a programação nesta edição visa oferecer uma visão ampla e inclusiva das expressões artísticas cearenses no campo das artes cênicas”, destaca a curadora Cristina Castro.

Arte, diálogo e reflexão

A abertura do FAC Cena Ceará será no dia 18/06, às 20h, no Centro Cultural do Cariri, no Crato, com Cia Alysson Amâncio, de Juazeiro do Norte, apresentando “Santos de Casa” às 20h30, trabalho de dança contemporânea atravessado por outras linguagens, como teatro e manifestações populares da cultura. Na sequência, às 21h, a atração é o Coletivo Avessos de Teatro com “Casa de Folhas”, uma pesquisa sobre o cotidiano das mulheres catadoras de Pequi do Quilombo Souza, que fica no município de Porteiras-CE. Às 22h, Mestra Marinês e Coco do Frei Damião se apresentam na Casa Ucá, no Crato. As três apresentações têm classificação livre e gratuita.

No dia 19/06, a programação do FAC Cena Ceará segue a partir das 16h com a performance “Nova Safra”, de Maria Macêdo acontece no Centro do Crato. No Centro Cultural do Cariri, também no Crato, às 19h, o Lab. Bixórdia, de Juazeiro do Norte, apresenta “Quem Sustenta? Edificações Desobedientes” (Livre). E às 20h, a Cia Circo Lúdico Experimental - Cia CLE, de Fortaleza, entra em cena com o espetáculo “O conto da mulher água”. Em Juazeiro do Norte, o grupo Bricoleiros, de Fortaleza, estará no CCBNB Cariri, às 18h, com o espetáculo “Lastá”. A noite encerra na Casa Ucá, no Crato, com a apresentação Brega Naite, da Carla Ribeiro, do Crato, às 22h.

Quem também está na programação do Festival é o grupo Pavilhão da Magnólia, de Fortaleza, com o espetáculo “Napoleão” (Livre), que vai ser apresentado no dia 20/06, às 15h, no Sesc Crato. A montagem conta a história de um menino tímido e cheio de futuro, cujo sonho é tentar entender o mundo ao seu redor. Também no dia 20, às 16h, o Centro da Cidade recebe a performance “Monstra Plástica”, de Gisele Lua, do Crato. Às 18h, no Centro Cultural do Cariri, acontecerá o espetáculo “Bayo: as histórias que nunca te contaram”, da Trupe dos Pensantes, do Crato, no Terreiro das Artes, para todas as idades. Em seguida, o público pode conferir as apresentações do “Cenas Curtas”, com Suimara Eveliyn (Eu Vim Para Lembrar de Mim) e Coletivo Teatro Clínicas (Viação Pernambuco), no Palco do Centro Cultural do Cariri.

Na sexta-feira (21), quem abre a programação do penúltimo dia do festival é o Museu Escafandro de Novidades, com o espetáculo MaquinaMário, às 16h. Em seguida, às 17h, a Trupe Motim de Teatro apresenta ao público o espetáculo Laborioso Contato - Um palhaço anuncia o fim do mundo. A peça será encenada na Encosta do Seminário. Às 17h30, Eliana Barbosa de Amorim traz a performance "Madre Amada Desgastada, no Centro Cultural Cariri (Crato). No mesmo dia, às 19h, no CCBNB de Juazeiro do Norte, tem o espetáculo “Das que Ousam Desobedecer” (14 anos), da Cia Bravia, de Fortaleza, que aborda a luta de mulheres contra a Ditadura Militar dos anos de 1960 e 1970 no Brasil. Voltando para o Crato, mais precisamente no Centro Cultural do Cariri, será encenado às 20h, o espetáculo "Na Beira", do Grupo Garajal. Para encerrar a noite, às 22h, o Arraiá na Ucá vai receber shows com Krystal e Trio Flor de Piqui, na Casa Ucá, no Crato.

O último dia do festival começa a partir das 16h30 com a performance "Carcaça", da Coletiva Flecha Lançada Arte, no Centro Cultural do Cariri. Às 17h, é a vez de entrar em cena o espetáculo Pedra no Sapato, da Companhia Laguz Circo de Teatro, no Centro Cultural Cariri, mesmo local onde ocorre a Feira Criativa, de 18h às 22h.

O último espetáculo da noite ficará por conta do Teatro Violetas, com a montagem "Voo Para o Fim do Mundo", às 18h, também no Centro Cultural do Cariri, no Crato.

A partir das 20h, acontece o show de encerramento do FAC - Festival de Artes Cênicas com o cantor Junú se apresentando no Terreiro das Artes. Para fechar o evento, às 23h, tem ainda muita música com Forró de Rabeca Cariri, na Casa Ucá.

Programação no CCBNB Cariri – Juazeiro do Norte

Além do Centro Cultural do Cariri, no Crato, o CCBNB Cariri, em Juazeiro do Norte também recebe apresentações, sempre às 18h. No dia 19/06, por exemplo, o público vai ter a chance de conferir o espetáculo Lastá (12 anos), do grupo Bricoleiros, de Fortaleza. Trata-se de um drama que se passa em meio a ciclos climáticos tão marcantes no sertão cearense, onde personagens partilham conhecimentos, momentos singelos, de hábitos peculiares e fatos imensuráveis. No dia seguinte (20), às 18h, acontece o espetáculo “Dançar Paulo Freire” (Livre), da Cia Balé Baião, de Itapipoca, um tributo ao educador brasileiro, reconhecido e respeitado mundialmente. E no dia 21/06, para encerrar a programação no CCBNB, tem o espetáculo “Das que Ousam Desobedecer” (14 anos), da Cia Bravia, de Fortaleza, que aborda a luta de mulheres contra a Ditadura Militar dos anos de 1960 e 1970 no Brasil.

Impulso para a carreira artística

Assim como aconteceu em 2019, o FAC realizará nesta edição a 3ª Rodada de Negócios das Artes Cênicas no Ceará, que reúnem artistas e programadores para discutir possibilidades de circulação de espetáculos e demais projetos de artes cênicas em outros espaços.

Os programadores desta edição serão:

Andressa Batista: integra, desde 2017, a curadoria dos projetos Palco Giratório e Sesc Amazônia das Artes

Daniele Sampaio: desde 2022, integra a equipe de curadoria do Festival de Curitiba

Francis Madson: um dos idealizadores do PAN - Potências das Artes do Norte

Francisco Pellé: produtor do FESTLUSO- Festival de Teatro Lusófono

Galiana Brasil: gestora do núcleo de Curadorias e Programação Artística do Itaú Cultural

Guilherme Filho: mentor, curador e atual diretor artístico do Festival do Teatro Brasileiro

João Fernandes: mantém o Centro Cultural Casarão de Ideias em Manaus, que há 14 anos possibilita a fruição, o fomento e a difusão de linguagens artísticas

Marcelo Bones: diretor executivo da Platô – Plataforma de Internacionalização do Teatro, idealizador e coordenador do Observatório dos Festivais.

Raphael Vianna: analista de artes cênicas no Departamento Nacional do Sesc, dedicando-se a projetos culturais de difusão (Palco Giratório) e formação (Sesc Dramaturgias)

Adriana Macedo: atua há 12 anos no Sesc-SP. Atualmente trabalhando na Gerência de Ação Cultural e fazendo a coordenação da linguagem teatral do Regional São Paulo.

Cynthia Margareth: por 15 anos dedicou-se à coordenação de produção do LUME Teatro – Unicamp. Atualmente atua como produtora e atriz.

Fabio Pascoal: idealizador e produtor do Festival de Teatro do Agreste (FETEAG). Atua como Coordenador Pedagógico do Curso de Iniciação Teatral realizado pelo Teatro Experimental de Arte, em Pernambuco.

Antônio Araújo: idealizador e diretor artístico da MIT-SP. Diretor artístico do Teatro da Vertigem e professor no departamento de artes cênicas e no Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas (PPGAC) da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA/USP).

Eduardo Ferraz: gestor cultural, compositor e músico, um artista interdisciplinar. Está em seu segundo mandato como membro do conselho de políticas culturais do município de Campinas, representando o território sul da cidade.

Música no FAC e Feira Criativa

A música também dá o tom do Festival! Durante todos os dias, o evento promove apresentações com artistas na Casa Ucá, no Crato, sempre às 22h. Já estão confirmados na programação nomes como Carla Ribeiro, Grupo Quinteto, Mestra Marinês, Krystal (Natal/RN) e Trio Flor do Piqui, Forró da Rabeca Cariri. Além disso, no último dia do FAC, 22/06, às 20h, tem show com o cantor Junú, do Cariri, no Centro Cultural do Cariri.

Vale destacar ainda que, de 20 a 22 de junho, das 18h às 22h, o FAC promove no Centro Cultural do Cariri, a Feira Criativa. Na ocasião, empreendedores locais vão apresentar seus produtores e criações para o público que for prestigiar o Festival.

O Festival de Artes Cênicas (FAC) - Cena Ceará é realizado através da Lei Federal de Incentivo à Cultura, Lei Rouanet com patrocínio de Rede, Dilly, Secretaria Municipal de Cultura do Crato, apoio do Centro Cultural Banco do Nordeste, produção de Kariri Cultura, parceria de Instituto Mirante e Centro Cultural do Cariri e realização de Ato Marketing Cultural, Ministério da Cultura e Governo Federal.

SERVIÇO

FAC - Festival das Artes Cênicas - Cena Ceará: 18 a 22 de junho, em Juazeiro do Norte e Crato, no Cariri. Mais informações: @festivaldasartescenicas.

*Programação sujeita a alterações

Crato Tênis Clube celebra São João com homenagem a Elói Teles de Morais em evento "Forró na Casa Grande"

FOTO: DIVULGAÇÃO

Agência Caririceara.com
Redação


O  Crato Tênis Clube está pronto para receber mais uma vez a animação e a tradição das festas juninas, e este ano promete ser ainda mais especial com uma homenagem ao radialista e folclorista, Elói Teles de Morais, intitulada Forró na Casa Grande".

Nos dias 13, 14 e 15 de junho, a partir das 19h30, o clube abrirá suas portas para receber não apenas seus sócios, mas toda a comunidade local, em uma celebração que promete unir gerações em torno da cultura e das tradições do São João.

O presidente do Crato Tênis Clube, o Professor Cleóstenes de Oliveira, expressou sua alegria em poder oferecer mais este evento à comunidade, destacando a importância de reunir as famílias cratenses e caririenses em um momento de festa e confraternização.

"A tradição junina é parte fundamental da nossa cultura, e estamos honrados em poder proporcionar um espaço para que as pessoas possam celebrar juntas. Este ano, além das atrações musicais, queremos também prestar uma homenagem a Elói Teles de Morais, figura emblemática de nossa região", afirmou o presidente.

A programação do evento contará com apresentações de artistas locais, garantindo a animação e o ritmo característico do São João. Confira a agenda:

Dia 13: Artur Di Souza
Dia 14: Chumbo Sim Sinhô
Dia 15: Os Cinco de Jardim

O Crato Tênis Clube convida a todos a participarem dessa grande festa, que promete ser uma verdadeira celebração da cultura nordestina e uma homenagem emocionante a Elói Teles de Morais. Venha celebrar o São João em grande estilo no "Forró na Casa Grande"!


XXIV Festejo Ceará Junino é lançado neste sábado (1º) no Cariri com Nação Nordestina, quadrilha vencedora da última edição

FOTO; DIVULGAÇÃO

Com o tema “De Caiçara a Sobral: São João de Tradição e Inovação na Cidade do Futuro”, o encontro ocorre às 17h no Centro Cultural do Cariri

Realizado pela Secretaria da Cultura do Ceará (Secult Ceará), a vigésima quarta edição do Festejo Ceará Junino chega em 2024 com o tema “De Caiçara a Sobral: São João de Tradição e Inovação na Cidade do Futuro”. No próximo sábado (1º/6), o público é convidado para participar do lançamento do projeto junino às 17h no Centro Cultural do Cariri, espaço da Rede Pública de Equipamentos Culturais da Secult Ceará, gerido em parceria com o Instituto Mirante de Cultura e Arte.

O evento marca a abertura das celebrações de São João no Ceará e conta com as apresentações da Quadrilha Nação Nordestina, de Juazeiro do Norte, vencedora do último campeonato; da Quadrilha Junina Guaraci, do Crato; e da Quadrilha Santo Antônio, de Barbalha; além da apresentação da cantora Karynna A Braba. O evento é gratuito e aberto ao público mediante a doação de 1kg de alimento não perecível para a campanha Ceará Sem Fome.

No lançamento, serão divulgados os 21 festejos que ocorrem a partir de 14 de junho em todas as macrorregiões do Ceará. Mais de 200 quadrilhas se apresentam e são julgadas até chegarem nas finalistas que participam do campeonato estadual, entre os dias 25 e 28 de julho, na cidade de Sobral.

O XXIV Ceará Junino é uma realização da Secretaria da Cultura do Ceará (Secult Ceará). Conta com a parceria da Prefeitura Municipal de Sobral e a produção da Assum Preto Produções. Tem apoio institucional do Centro Cultural Cariri, espaço da Rede Pública de Equipamentos Culturais da Secult Ceará, gerido em parceria com o Instituto Mirante de Cultura e Arte.
Apresentações do lançamento

Quadrilha Nação Nordestina (Juazeiro do Norte)

Com o intuito de homenagear os Profetas da Chuva e divulgar ainda mais essa cultura ancestral para que ela não se perca ao longo do tempo, a Nação Nordestina apresenta: Profético. Um espetáculo ambientado no sertão nordestino em um período de seca profunda, tendo o êxodo rural como um fantasma frequente do dia a dia. Entretanto, tudo muda a partir das previsões de um Profeta da Chuva, pois uma nova esperança surge, fazendo o povo acreditar de novo em um período de chuva abundante.

Quadrilha Junina Guaraci (Crato)

Em 2024, a Junina Guaraci traz aos arraiás o espetáculo “Os Causos do Capitão”. Com um enredo inovador e impactante, busca evidenciar a história do rei do cangaço Virgulino Ferreira, o famoso Lampião. A história se desenrola por meio de causos da literatura de cordel e narrativas populares, que une os costumes do povo e o prazer de contar história, com expressões humorísticas da realidade brasileira, transformando em bem-humorado desvario ficcional o destino pós-morte do mítico e controverso personagem.

Quadrilha Santo Antônio (Barbalha)

Em 2024 a Quadrilha Santo Antônio te convida a embarcar numa viagem repleta de magia, encanto, colheita e muita festança. No terreiro da fazenda tem a Quadrilha Santo Antônio, que retrata de modo singelo e cômico a vida dos moradores de uma típica fazenda fictícia de cultura camponesa de São Miguel. A perseverança como a figura central vai traduzir a força e a sua essência, para assim, mostrar que o amor pode desafiar até mesmo o mais duro coração.

Karynna A Braba

Dona de uma voz potente e de um timbre marcante, Karynna chega como promessa de ascensão no mercado feminino do forró. Cantora, compositora e instrumentista, Karynna é natural de Juazeiro do Norte.
Serviço:

Lançamento do XXIV Festejo Ceará Junino
Data: 1º de junho (sábado)
Horário: 17h
Local: Terreiro das Artes do Centro Cultural do Cariri
Gratuito e aberto ao público mediante 1kg de alimento não perecível

*Ascom Secut Ceará

Município de Aurora anuncia edital de premiação para quadrilhas junina

Foto: Mauro Barros
A Prefeitura de Aurora anunciou, nesta quinta-feira (23), um Edital de Premiação que visa apoiar as quadrilhas juninas locais. O edital é parte integrante do São João d'Aurora 2024.

De acordo com a administração municipal, o edital tem como objetivo fortalecer a tradição das festividades juninas do município, através do apoio aos grupos de quadrilha junina devidamente cadastrados e ativos no mapa cultural do município.

A premiação total destinada a este chamamento público será de R$ 8.000,00, sendo que cada um dos dois grupos contemplados receberá o equivalente a R$ 4.000,00. Caso o número total de grupos de quadrilhas juninas inscritos não atenda ao quantitativo de inscrições (duas vagas) ou caso o grupo não tenha sua premiação aprovada, o valor total referente ao incentivo será reduzido equivalente ao número de quadrilhas juninas aprovadas.

Os grupos interessados podem se inscrever presencialmente na Secretaria Municipal de Governo e Gestão, localizada na Avenida Antônio Ricardo, Nº 43, Centro - Aurora, entre os dias 24 a 28 de maio, no horário das 8h às 12h.

O resultado final será divulgado no dia 29 de maio e a previsão de repasse do incentivo financeiro ocorrerá entre os dias 31 de maio a 04 de junho. Mais informações podem ser encontradas no site oficial da Prefeitura de Aurora: www.aurora.ce.gov.br. A inscrição é gratuita.

Terceira edição do Festival Ucáriri acontece de 15 a 18 de maio com programação em Crato e Jardim

Programação conta com exposições, shows musicais, apresentações teatrais e de dança (Foto: Raquel Leite)

Com o tema “Um Cariri além do tempo”, o evento promove encontro de diferentes linguagens artísticas de forma gratuita

O ponto de cultura Casa Ucá e a Nós Cultural realizam, de 15 a 18 de maio, a terceira edição do Festival Ucáriri. A programação é gratuita e vai acontecer nos municípios de Crato e de Jardim. Nesta edição, o festival traz como tema “Um Cariri além do tempo”, com a proposta de promover o encontro entre artistas da tradição, os novos artistas que compõem a rica cultura da região e o público.

O Ucáriri é um festival independente de economia criativa que abrange diversas linguagens artísticas, como a música, artesanato, teatro, cultura popular, fotografia, moda, design, performance, literatura, cultura alimentar e audiovisual, produzidas pelo e para povo que vive no Cariri. A programação desta terceira edição conta com ações de vivência e fruição.

“Em meio a tantos tesouros, o Festival Ucáriri tem como propósito ampliar as vozes da nossa gente, fazendo ecoar, entre cantos, danças, toadas, versos e prosas, toda essa explosão de formas, sons e cores que faz do Cariri um dos berços culturais do Nordeste”, destaca o gestor da Casa Ucá e um dos organizadores do festival, Saymo Luna.

Nesta edição, o festival conta com o patrocínio da Prefeitura Municipal do Crato, por meio da Secretaria de Cultura, e o apoio do Centro Cultural Banco do Nordeste; da Prefeitura Municipal de Jardim, por meio da Secretaria de Cultura, Turismo e Esporte; do Ponto de Cultura Aldeias; e do Sindicato dos Trabalhadores de Jardim.

Para a programação de vivências que será realizada em Jardim, no dia 18 de maio, haverá um ônibus saindo da Casa Ucá. Os tickets de acesso estarão disponíveis no site da Casa Ucá, por um valor de R$25,00, que dará direito ao deslocamento de ida e volta e a um lanche.

“Um Cariri além do tempo”

Um convite para mergulhar na magia da história e do presente, explorando as conexões entre passado, presente e futuro. A partir desta provocação, nasce a ilustração criada pelo artista Reginaldo Farias para a identidade visual da terceira edição do Festival Ucáriri.

“Quando a gente provoca com a temática ‘Um Cariri além do tempo’ a gente pensa que se faz necessário fazer uma troca entre os artistas da tradição, os artistas que fazem a nossa cultura tão rica, que fazem de forma orgânica os seus festejos, as suas brincadeiras, com os novos artistas que recriam em seus trabalhos essa cena cultural do Cariri a partir dessa vivência nesse espaço e que trazem uma outra roupagem para os seus trabalhos”, ressalta a produtora cultural e uma das organizadoras do festival, Roberta Rocha.

Como forma de fomentar a produção independente e possibilitar que as pessoas interessadas apoiem o festival, estão sendo vendidos produtos com a ilustração exclusiva que caracteriza esta edição do Ucáriri. Os copos e camisas podem ser encomendados na lojinha virtual, no site da Casa Ucá.

Confira a programação completa:


15/05

Casa Ucá


Abertura exposições - E N T R E MEIOS (Boni) e - Matriz Grafias Femininas
Horário: 18h

Local: salas 1 e 2


Histórias que Penha Conta - [artes cênicas]

Horário: 19h

Local: Quintal


Toré Povo Cariri de Poço Dantas - [tradição]

Horário: 20h

Local: Quintal


16/05

Casa Ucá


Coco - Mestra Maria de Tiê e crianças - [tradição]

Horário: 19h

Local: Quintal


Coco de Cuca e Mestra Marinez - [música]

Horário: 20h

Local: Quintal


17/05

Colégio Municipal Pedro Felício Cavalcante



Bayo: As histórias que nunca te contaram - [artes cênicas] [público infantil]

Horário: 9h30

Local: Pátio da Escola



Geotinta: tirando tinta de pedra - [oficina] [público infantil]
Facilitadora - Francynne Galdino

Horário: 10h30

Local: Pátio da Escola


Casa Ucá

Reisado São Francisco - [tradição]

Horário: 19h

Local: Quintal


Forró de Rabeca Kariri - [música]

Horário: 21h

Local: Quintal


Karetas de Serra Areias - [tradição]

Horário: 20h30

Local: Quintal


18/05

Vivência Ucáriri - Jardim


Visita ao Museu de Jardim - [visita mediada]

Horário: 15h30

Local: Museu de Jardim


Feira de gastronomia e artesanato - [cultura alimentar e artesanato]

Horário: 17h

Local: Terreiro dos Karetas de Serra Areias - Jardim


Maculelê Ritmos Mulatos - [tradição]

Horário: 17h

Local: Areias Clube - Jardim


Trio Flor do Pequi - [música]

Horário: 18h

Local: Areias Clube - Jardim


Transrústica - [performance]

Horário: 19h30

Local: Areias Clube - Jardim


Manhosinhos do Forró - [música]

Horário: 19h40

Local: Areias Clube - Jardim *ASCOM